Ficha Técnica: Godoy Cruz (ARG) 1 x 1 Atlético Mineiro

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Jogando fora de casa Atlético Mineiro empata com o Godoy Cruz na Argentina;
Credit: www.clicrbs.com.br/Andres Larrovere / AFP
Ficha Tecnica
Godoy Cruz 1 x 1 Atlético
Copa Libertadores da América 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores da América – Grupo 6 – 1ª Rodada
• Data (Date): Quarta-Feira, 8 de Março de 2017, as 19:30 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Malvinas Argentinas, Mendoza (Argentina)
• Público (Attendance): Sem Registro (No Registry)
• Árbitro (Referee): Wilson Lamouroux Riveros (Colômbia)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Eduardo Díaz Barrero (Colômbia)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): John Alexander León Sánchez (Colômbia)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Juan Pontón Rodríguez (Colômbia)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Luciano Abecasis, aos 11’/1º Rafael Carioca, aos 11’/2º
Walter Serrano, aos 25’/1º
Danilo Ortiz, aos 40’/2º
Marcelo Benítez, aos 44/’2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Javier Correa, aos 2/’1º 1-1 Fred (pênalti), aos 6’/2º
Club Atletico Godoy Cruz Clube Atlético Mineiro
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Rodrigo Rey
29 Luciano Abecasis
05 Diego Vieira
06 Danilo Ortiz [Expulso]
21 Fabricio Angileri
15 Walter Serrado
10 Guillermo Fernández
20 Ángel González (Sánchez)
10 Gastón Giménez
07 Juan Garro (Benítez)
09 Javier Correa (Sigales)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Giovanni
02 Marcos Rocha
03 Leonardo Silva
30 Gabriel
06 Fábio Santos
05 Rafael Carioca
08 Elias
14 Danilo (Cazares)
11 Romulo Otero (Clayton)
07 Robinho
09 Fred (Rafael Moura)
Coach: Lucas Bernardi Coach: Róger Machado
03
14
17
19
23
24
25
Marcelo Benitez, aos 22’/2º
Sebastián Olivares
Maximiliano Correa
Fabián Henriquez
Maximiliano Sigales, aos 35’/2º
Nicolás Sánchez, aos 39’/2º
Sebastián Moyano (gk)
10
13
19
23
24
25
26
Juan Cazares, no Intervalo
Rafael Moura, aos 38’/2º
Carlos César
Calyton, aos 35’/2º
Uilson (gk)
Yago
Felipe Santana
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 0 x 1 1 x 1

Crônica do Jogo

Não foi exatamente a estreia que o torcedor atleticano imaginou. O Galo apenas empatou com o Godoy Cruz, por 1 a 1, na noite desta quarta-feira, em Mendoza, na Argentina, no primeiro jogo das equipes na Copa Libertadores da América.

Existia uma disparidade em campo: o Atlético-MG já iniciou a temporada há mais tempo, tinha um time com mais tempo de jogo, fisicamente melhor, sem falar em ter mais nomes de peso em seu elenco, enquanto o Godoy Cruz fazia apenas sua estreia na temporada. Isso, entretanto, não fez diferença. O Galo não se encontrou em campo, foi pior na maior parte do confronto e “achou” um gol em pênalti marcado sobre Elias.

O Galo volta a campo na próxima segunda-feira, contra o Tupi, pelo Campeonato Mineiro.

Pouco depois do apito do árbitro, logo no primeiro minuto de jogo, o Godoy conseguiu abrir o placar. Em lançamento, o zagueiro Gabriel falhou ao tentar tirar a bola e a redonda ficou toda para Javier Correa marcar o primeiro tento.

Mesmo após sofrer o gol, o Atlético ainda tinha dificuldades para jogar. Nos primeiros minutos era claro a dificuldade atleticana na marcação, na recomposição, o que facilitava os contra-ataques dos donos da casa. Algo que ficou evidente, ainda, foram as investidas do Godoy pela direita – lado de Fábio Santos e onde também jogava o zagueiro Gabriel.

Já a metade do gramado mostrava que o Galo precisava de um jogador para cobrir o buraco que a equipe deixava. Como o Atlético jogava com três volantes e Robinho mostrava mais facilidade em cair pela esquerda, o local onde poderia ter um armador ficou vazio. Elias poderia suprir essa ausência, entretanto, com a presença de Danilo no time, atuando mais adiantado, o volante ficava mais recuado.

Com problemas na estrutura do time, o Atlético precisou recorrer as bolas paradas. Aos 14 minutos, o Galo levou perigo, com Leonardo Silva, aproveitando seus 1,92m para subir mais que todo mundo, para assustar o goleiro adversário com a bola tirando tinta da trave.

Após os 15 minutos do primeiro tempo, o Galo conseguiu equilibrar a situação. O time alvinegro passou a ocupar bem os espaços. Mas mesmo assim a equipe alvinegra não conseguia sobressair no ataque.

Aos 44, os deuses do futebol resolveram deixar o Galo seguir no jogo. Garro recebeu uma bola na cara do gol, já com Giovanni batido, na pequena área, e o atacante conseguiu perder o tento. O lance deixou ainda mais claro que a defesa alvinegra sofria para conseguir suportar um grupo que fazia seu primeiro jogo oficial.

O Galo voltou para o segundo tempo com uma importante troca: Roger Machado tirou Danilo e colocou Cazares – mudando, assim, o esquema em campo.

A pressão preto e branca surtiu efeito logo no início e Abecasis – que já tinha cartão amarelo – fez pênalti em Elias. O atacante Fred converteu a penalidade e deu igualdade ao Galo.

Após o tento, porém, o Atlético colocou o pé no freio. O time brasileiro passou a ter mais cautela para buscar o ataque. O Godoy voltou a buscar o jogo, na maioria das vezes ainda pela área de Fábio Santos.

O jogo passou a ficar travado no meio campo, com as duas equipes com dificuldades. O Godoy não conseguia agredir mais. Já o Galo, até os 35 não tinha obrigado o goleiro adversário fazer uma defesa.

Nos últimos minutos, o Galo pressionou, mas não dava mais tempo. A equipe preto e branca teve pelo menos quatro oportunidades para virar a partida, mas o Godoy se fechou muito bem e conseguiu segurar o placar. (Crédito: gazetaesportiva.com)


.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Atletico Tucumán (ARG) 1 x 1 Plameiras

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Com um jogador a menos Palmeiras segura o empate contra o Tucuman;
Credit: www.gazetaesportiva.com/Walter-Monteros/AFP
Ficha Tecnica
Tucuman 1 x 1 Palmeiras
Copa Libertadores da América 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores da América – Grupo 5 – 1ª Rodada
• Data (Date): Quarta-Feira, 8 de Março de 2017, as 21:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Monumental Presidente José Fierro, Tucumán (Argentina)
• Público (Attendance): 35.000 expectadores
• Árbitro (Referee): Mario Alberto Díaz de Vivar (Paraguai / Paraguay)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Eduardo Cardozo (Paraguai / Paraguay)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Milcíades Saldivar (Paraguai / Paraguay)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Eber Aquino (Paraguai / Paraguay)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Bruno Bianchi, aos 39’/1º Víto Hugo, aos 19’/1º
Leonel Di Plácido, aos 46’/1º Víto Hugo, aos 21’/1º
Fernando Prass, aos 35’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Fernando Zampedri, aos 25’/1º 1-1 Keno, aos 40’/1º
Club Atletico Tucumán Sociedade Esportiva Palmeiras
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Cristian Lucchetti
24 Leonel Di Plácido
02 Bruno Bianchi
04 Ignacio Canuto
03 Fernando Evangelista
05 Nery Leyes
18 Rodrigo Aliendro (Rodríguez)
08 Guillermo Acosta (Méndez)
10 Leandro González (Mendoza)
09 FErnando Zampedri
11 Cristian Menéndez
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Fernando Prass
02 Jean
03 Edu Dracena
04 Vítor Hugo [Expulso]
11 Zé Roberto
30 Felipe Melo
21 Thiago Santos
15 Michel Bastos (Antônio Carlos)
07 Dudu ©
27 Keno (Róger Guedes)
12 Miguel Borja (Willian)
Coach: Pablo Lavallén Coach: Eduardo Baptista
07
13
15
16
20
21
25
Luis Rodríguez, aos 37’/2º
Mauricio Rosales
Díaz Ayala
Enrique Meza
Fabio Álvarez
Javier Mendoza, aos 21’/2º
José Méndez, aos 29’/2º
05
06
14
18
23
25
29
Arouca
Egídio
Jailson (gk)
Alejandro Guerra
Roger Guedes, aos 19’/2º
Antônio Carlos, aos 24’/1º
Willian, aos 41’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 1 0 x 0 1 x 1
• Esta é a primeira participação do Atlético Tucumán na fase de Grupo da Libertadores;
• Palmeiras: Camisa Verde, Calção Verde e Meias Verde;
• Tucumán: Camisa Branco, Calção Branco e Meia Brancas;

.:: Galeria de Imagens ::.
Time do Palmeiras que estreou na Libertadores empatando fora de casa;
Credit: www.gazetaesportiva.com/Walter-Monteros/AFP

Crônica do Jogo

O Palmeiras viveu um típico jogo de Copa Libertadores em sua estreia na edição 2017 do torneio. Buscando o bi da competição, o Verdão arrancou um empate por 1 a 1 contra o Atlético Tucumán, na noite desta quarta-feira, na Argentina, em partida em que teve um jogador a menos desde a metade do primeiro tempo. Melhor tecnicamente, porém, o Alviverde não sofreu sustos e teve boas oportunidades, mas Miguel Borja perdeu três chances claras de gol. Coube a Keno empatar a partida após Zampedri abrir o placar.

Atuando no Estádio José Fierro, que tem as arquibancadas muito próximas ao gramado e estava absolutamente lotado por cerca de 35 mil pessoas, o Verdão começou bem a partida cadenciando o jogo e segurando o ímpeto dos mandantes. Estabelecido no confronto, teve a primeira grande chance com Miguel Borja, mas Lucchetti fez um milagre na defesa.

Na metade do primeiro tempo, Vitor Hugo cometeu duas faltas para matar contra-ataque em menos de cinco minutos – a segunda duvidosa -, recebeu dois cartões amarelos e acabou expulso. O Verdão nem pôde se recuperar do baque e, aos 24 minutos, acabou sofrendo o gol de Zampedri, que fez seu quarto tento em cinco jogos na Libertadores.

Com um a menos, Eduardo Baptista saiu do 4-2-3-1 inicial e montou o Palmeiras no 4-4-1, com Thiago Santos e Felipe Melo pelo meio, Keno e Dudu avançando pelas laterais e Miguel Borja isolado na frente.

E foi justamente em uma jogada treinada exaustivamente pelo treinador que o Alviverde empatou com Keno. Dudu cobrou falta frontal na área, Thiago Santos cabeceou para o meio e o camisa 27 estufou as redes.

No segundo tempo, o Palmeiras se defendeu muito bem com duas linhas de quatro e não passou sustos. O Verdão apostou no contra-ataque, mas não teve tantas chances. Na melhor oportunidade do jogo, Miguel Borja perdeu sua terceira no jogo ao chutar para fora, sozinho dentro da área, após ótima jogada de Dudu.

O Palmeiras começou o jogo trocando passes em seu campo de defesa, sem forçar a saída de bola e tentando cadenciar a partida para segurar o âmbito do Atlético Tucumán nos primeiros 15 minutos. Depois de se estabelecer no confronto, porém, o Verdão começou a buscar o ataque.

Com 20 jogados, o Alviverde só não abriu o placar graças a um milagre do goleiro Lucchetti. Keno avançou pela esquerda, passou por dois marcadores, chegou à linha de fundo e cruzou rasteiro para Borja. O colombiano bateu de primeira, mas o goleiro argentino mostrou muito reflexo para impedir o terceiro gol do centroavante pelo Verdão.

O jogo se desenhava bem para o Palmeiras, mas logo em seguida, uma sequência de quatro minutos mudou a partida negativamente para o Verdão. Primeiro, Vitor Hugo trombou com Zampedri em contra-ataque dos argentinos, recebeu o segundo cartão amarelo e acabou expulso. Imediatamente, Eduardo Baptista colocou Antônio Carlos e sacou Michel Bastos do time.

O Verdão nem pôde se recuperar do baque e, aos 24 minutos, acabou sofrendo o gol. Evangelista cruzou pela esquerda e encontrou Zampedri no primeiro pau. O artilheiro se antecipou a Edu Dracena e conseguiu finalizar, de costas para o gol. A bola encobriu Fernando Prass, bateu no segundo poste e morreu nas redes.

Atrás no placar e com um jogador a menos, o Palmeiras demorou a se encontrar na partida e só conseguiu uma nova oportunidade de marcar aos 32 minutos. Dudu dominou na entrada da área, girou sobre o zagueiro e deu linda enfiada para Borja. O colombiano entrou na área pela esquerda, ajeitou para o pé direito e chutou forte, mas Lucchetti saiu do gol e defendeu bem.

A oportunidade seguinte veio em cobrança de bola parada e, na jogada exaustivamente treinada pelo Palmeiras um dia antes, o Verdão empatou o jogo. Dudu cobrou falta frontal para a direita da área, Thiago Santos cabeceou para o meio e Keno chegou bem para completar para o gol.

Para a segunda etapa, o Palmeiras voltou modificado taticamente, mas sem substituições. Do 4-2-3-1 inicial, o time de Eduardo Baptista passou para o 4-4-1, com Thiago Santos e Felipe Melo pelo meio, Keno e Dudu avançando pelas laterais e Miguel Borja isolado na frente.

Sem sofrer sustos no segundo tempo, o Palmeiras apostava no contra-ataque para conseguir um segundo gol e só não virou o jogo pela falta de pontaria de Miguel Borja. Dudu avançou pela direita, brigou com os zagueiros, deixou três marcadores para trás e rolou para o colombiano. O camisa 12 entrou na área sozinho, pela direita e bateu cruzado, no contrapé de Lucchetti, mas acabou mandando para fora.

Com duas linhas de quatro bem postadas na defesa, o Verdão não tomava sufoco, mas não conseguia criar chances de gol. A melhor oportunidade veio aos 34 minutos, quando Jean cruzou na área, a bola passou pela defesa área e chegou ao segundo pau. Dudu subiu de cabeça, mas não alcançou para desviar para as redes.

Com o resultado, Palmeiras e Atlético Tucumán dividem a segunda posição do Grupo 5 da Copa Libertadores. A liderança no momento está com o Jorge Wilstermann-BOL, que goleou o Peãnrol, lanterna, por 6 a 2 na primeira partida da chave. Na sequência, o Verdão encara Jorge Wilstemann e Peãnrol, ambos em casa. (Crédito: gazetaesportiva.com)


.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Barcelona (ESP) 6 x 1 Paris Saint Germain (FRA)

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Neymar teve uma grande atuação nos minutos finais da reação do Barcelona;
Credit: globoesporte.globo.com
Ficha Tecnica
Barcelona 6 x 1 PSG
2016–17 UEFA Champions League knockout phase
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Uefa Champions League – Oitavas de Final – 2º Jogo
• Data (Date): Quarta-Feira, 8 de Março de 2017, as 17:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): FC Barcelona – Camp Nou, Barcelona (Espanha / Spain)
• Público (Attendance): 96.290 expectadores
• Árbitro (Referee): Deniz Aytekin (Alemanha / Germany)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Guido Kleve (Alemanha / Germany)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Markus Häcker (Alemanha / Germany)
• Assistente Adicional 1 (Aditional Assistant 1): Daniel Siebert (Alemanha / Germany)
• Assistente Adicional 2 (Aditional Assistant 2): Benjamin Brand (Alemanha / Germany)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Mike Pickel (Alemanha / Germany)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Gerard Piqué, aos 23’/1º Blaise Matuidi, aos 5’/1º
Sergio Busquets, aos 36’/1º Julian Draxler, aos 14’/1º
Ivan Rakitić, aos 16’/2º Marquinhos, aos 44’/2º
Neymar, aos 19’/2º Marco Verrati, aos 48’/2º
Luis Suárez, aos 22’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Luis Suárez (cab), aos 2’/1º 1-3 Edinson Cavani, aos 16’/2º
2-0 Layvin Kurzawa (ctr), aos 39’/1º
3-0 Lionel Messi (pen), aos 4’/2º
4-1 Neymar (Falta), aos 42’/2º
5-1 Neymar (pen), aos 44’/2º
6-1 Sergi Roberto, aos 49’/2º
Fútbol Club Barcelona Paris Saint Germain FC
Go
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Marc-André ter Stegen
14 Javier Mascherano
03 Gerard Piqué
23 Samuel Umtiti
05 Sergio Busquets
08 Andrés Iniesta © (Arda Turan)
04 Ivan Rakitić (André Gomes)
10 Lionel Messi ©
12 Rafinha Alcântara (Roberto)
09 Luis Suárez
11 Neymar Jr.
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Kevin Trapp
12 Thomas Meunier (Krychowiak)
05 Marquinhos
02 Thiago Silva ©
20 Layvin Kurzawa
14 Blaise Matuidi
25 Adrien Rabiot
06 Marco Verratti
07 Lucas Moura (Di María)
23 Julian Draxler (Aurier)
09 Edinson Cavani
Coach: Luis Enrique Coach: Unai Emery
07
13
17
18
19
20
21
Arda Turan, aos 20’/2º
Jasper Cillessen (gk)
Paco Alcácer
Jordi Alba
Lucas Digne
Sergi Roberto, aos 31’/2º
André Gomes, aos 39’/2º
03
04
10
11
16
19
21
Presnel Kimpembe
Grzegorz Krychowiak, aos 47’/2º
Javier Pastore
Ángel Di María, aos 10’/2º
Alphonse Areola (gk)
Serge Aurier, aos 30’/2º
Hatem Ben Arfa
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
2 x 0 4 x 1 6 x 1
• Como havia perdido o primeiro jogo, em Paris, por 4 x 0 o Bracelona teria que vencer pelo mesmo placar para levar o jogo a prorrogação; Fez mais. Ganhou por 6 x 1; Com esse resultado o Bracelona classificou-se para as Quartas de Final;
• Barcelona: Camisa listrada em Azul-Grená, Calção Azul e Meias Azuis (Nike);
• Paris: Camisa, Calção e Meia Brancas com detalhes em Azuis;
• Assisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares canal 10, afiliada da Globo;
• Esse jogo entrou para a galeria dos jogos imortais do futebol;

.:: Galeria de Imagens ::.
Momento em que Sergi Roberto marcao o gol da classificação do Barcelona;
Credit: www.uefa.com/Getty Images
O espanhol Sergi Roberto comora o gol da incrível classificação do Barcelona;
Credit: www.uefa.com/Getty Images

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Flamengo 4 x 0 San Lorenzo (ARG)

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Com uma bela atuação no segundo tempo Flamengo goleia na estréia na Libertadores;
Credit: www.zimbio.com/Alexandre Loureiro/Getty Images
Ficha Tecnica
Flamengo 4 x 0 S.Lorenzo
Copa Libertadores da America 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores 2017 – Grupo 4 – 1ª Rodada
• Data (Date): Quarta-Feira, 8 de Março de 2017, as 21:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Jornalista Mário Filho “Maracanã”, Rio de Janeiro/RJ
• Público (Attendance): 54.052 pagantes – (Total: 60.089) – Renda: R$ 3.688.482,50
• Árbitro (Referee): Andrés Cunha (Uruguai / Uruguay)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Mauricio Espinosas (Uruguai / Uruguay)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Miguel Nievas (Uruguai / Uruguay)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Jonathan Fuentes (Uruguai / Uruguay)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Federico Mancuello, aos 25’/1º Marcos Angeleri, aos 2’/2º
Miguel Trauco, aos 43’/1º Lautaro Montoya, aos 19’/2º
Pablo Díaz, aos 39’/2º
Franco Mussis, aos 44’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Diego (falta), aos 3’/2º
2-0 Miguel Trauco, aos 17’/2º
3-0 Rômulo (cabeça), aos 25’/2º
4-0 Gabriel, aos 42’/2º
Clube de Regatas do Flamengo Clube Atletico San Lorenzo Almagro
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Alex Muralha
21 Pará
15 Réver ©
03 Rafael Vaz
13 Miguel TRAUCO
27 Rômulo (Márcio Araújo)
05 Willian Arão
22 Éverton (Gabriel)
11 Federico MANCUELLO (Berrio)
10 Diego
09 Paolo GUERRERO
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Sebastián TORRICO
17 Pablo DÍAZ
02 Marcos ANGELERI
04 Fabricio COLOCCINI
13 Lautaro MONTOYA (Corujo)
07 Franco MUSSIS
11 Ezequiel CERRUTTI (Merlini)
16 Fernando BELLUSCHI
20 Nestor ORTIGOZA
19 Rubén BOTTA
09 NIcolás BLANDI (Bergessio)
Coach: Zé Ricardo Coach: Diego Aguirre
06
08
12
17
20
25
28
Renê
Márcio Araújo, aos 36’/2º
Gabriel, aos 35’/2º
Thiago (gk)
Felipe Vizeu
Alejandro DONATTI
Orlando BERRÍO, aos 32’/1º
05
14
15
18
22
26
30
Juan MERCIER
Ezequiel ÁVILA
Gonzalo BERGESSIO, aos 38’/2º
Matias CORUJO, aos 30’/2º
Nicolás NAVARRO
Roberto PIRIS
Bautista MERLIMI, aos 30’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 0 4 x 0 4 x 0
• Estréia das duas equipes na Libertadores da América de 2017;
• Torrico defendeu um pênalti cobrado por Guerrero aos 39 minutos do 2º tempo;
• Flamengo: Camisa Camisa Rubro-Negra, Calção e Meias Prretas;
• San Lorenzo: Camisa, Calção e Meia Brancas com detalhes em Azul;
• Assisti esse jogo, ao vivo, pela TV Verdes Mares canal 10, afiliada da Globo;
Próximos Jogos: Com a vitória, o Flamengo assumiu a liderança isolada do Grupo 4 da Libertadores com 3 pontos. Atlético-PR e Universidad Católica estão empatados na segunda colocação com 1 ponto, e o San Lorenzo aparece em último, zerado. O Rubro-Negro volta a jogar pela competição internacional na próxima quarta-feira (15/03) contra o Universidad Católica, no Chile.

.:: Galeria de Imagens ::.
Em pé: Réver, Paolo Guerrero, Rômulo, Rafael Vaz, Willian ARão e Muralha;
Agachados: Federico Mancuello, Miguel Trauco, Éverton, Diego e Pará;
Credit: www.zimbio.com/Alexandre Loureiro/Getty Images
Clube Atlético San Lorenzo de Almagro, da Argentina;
Credit: www.zimbio.com/Alexandre Loureiro/Getty Images

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Atlético (PR) 2 x 2 Universidad Catolica (CHI)

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Atlético Paranaense e Universidad Catolica empatam na estréia na Libertadores;
Credit: www.zimbio.com/Alexandre Schneider/Getty Images
Ficha Tecnica
Atlético 2 x 2 U. Católica
Copa Libertadores da America 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores 2017 – Grupo 4 – 1ª Rodada
• Data (Date): Terça-Feira, 7 de Março de 2017, as 21:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Joaquim Américo “Arena da Baixada”, Curitiba, Paraná (BRA)
• Público (Attendance): 24.118 pagantes – Renda: Renda: R$ 483.590,00
• Árbitro (Referee): Ulises Mereles (Paraguai / Paraguay)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Rodney Aquino (Paraguai / Paraguay)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Dario Gaona (Paraguai / Paraguay)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Arnaldo Samaniego (Paraguai / Paraguay)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Thiago Heleno, aos 47’/2º Enzo kalinski, aos 22’/2º
Guillermo Maripán, aos 26’/2º
Guillermo Maripán, aos 44’/2º
José Fuenzalida, aos 45’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Lucho González, aos 4/1º 1-2 David Llanos, aos 40’/2º
2-0 Nikão, aos 30’/2º 2-2 Ricardo Noir, aos 44’/2º
Clube Atlético Paranaense Club Deportivo Universidad Catolica
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Weverton
02 Jonathan
13 Paulo André
04 Thiago Heleno
06 Sidcley
07 Otávio (Wanderson)
03 Lucho González (Rossetto)
19 Carlos Alberto (Coutinho)
11 Nikão
10 Felipe Gedoz
08 Pablo Felipe
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Carlos Toselli
27 Juan Espinoza (Llanos)
02 Germán Lanaro
03 Guillermo Maripán [Expulso]
24 Allonso Parot
23 Enzo Kalinski
06 Cesar Fuentes (Cordero)
18 Diego Buonanotte
19 José Fuenzalida
16 Ricardo Noir
09 Santiago Silva (Gutiérrez)
Coach: Paulo Autuori Coach: Mario Salas
01
18
20
21
22
25
28
Santos (gk)
Crysan
Matheus Rossetto, aos 18’/2º
João Pedro
Léo
Wanderson, aos 40’/2º
Douglas Coutinho, aos 25’/2º
04
05
11
13
14
21
22
Cristian Álvarez
Fabián Manzano
Fernando Cordero, aos 33’/2º
Benjamin Kuscevic
David Llanos, aos 22’/2º
Franco Cosntanzo (gk)
Roberto Gutiérrez, aos 40’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 1 x 2 2 x 2
• Estréia das duas equipes na Libertadores da América de 2017;
• Atlético: Camis listrada em Vermelho-Preto, Calção e Meias Prretas;
• Catolica: Camisa, Calção e Meia Brancas com detalhes em Azul;
Próximos Jogos: Pela Libertadores, o Atlético-PR volta a campo na próxima quarta-feira, diante do San Lorenzo-ARG, às 19h30 (horário de Brasília), no estádio Nuevo Gasómetro, na Argentina, pela segunda rodada do Grupo 4 da Libertadores da América. A Universidad Católica encara o Flamengo, no mesmo dia, às 21h45, no estádio San Carlos de Apoquindo.

.:: Galeria de Imagens ::.
Credit: www.zimbio.com/Alexandre Schneider/Getty Images
Credit: www.zimbio.com/Alexandre Schneider/Getty Images

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Zulia/VEN 1 x 2 Chapecoense

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Chapecoense vence time venzuelano fora de casa na sua estréia na Libertadores;
Credit: www.gazetaesportiva.com/Juan-Barreto/AFP
Ficha Tecnica
Zulia 1 x 2 Chapecoense
Copa Libertadores da America 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores 2017 – Grupo 7 – 1ª Rodada
• Data (Date): Terça-Feira, 7 de Março de 2017, as 21:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): José Encarnación Pachencho Romero, Maracaibo (Venezuela)
• Público (Attendance): Sem Registro (No Registry)
• Árbitro (Referee): Omar Andrés Ponce Manzo (Equador / Ecuador)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Luis Geovanny Vera Mantuano (Equador / Ecuador)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Juan Carlos Macias (Equador / Ecuador)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Guillermo Enrique Guerrero Alcívar (Equador / Ecuador)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Herve Kambou, aos 32’/1º
Juan Arango, aos 22’/2º
Albert Zambrano, aos 34’/2º
Kenny Romero, aos 46’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-2 Juan Arango, aos 32’/2º 1-0 Reinaldo, aos 32’/1º
2-0 Luiz Antônio, aos 23’/2º
Zulia Fútbol Club Associação Chapecoense de Futebol
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Renny Vega
03 Daniel Rivillo (Romero)
04 Henry Plazas
25 Hervé Kambou
06 Sandro Notaroberto
08 Júnior Moreno
16 Daniel Gómez (Zambrano)
07 Yohandry Orozco
18 Juan Arango
10 Jefferson Savarino
20 Sergio Unrein
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Arthur Moraes
02 João Pedro
03 Douglas Grolli
15 Nathan
06 Reinaldo
08 Andrei Girotto
05 Misés Ribeiro (Luiz Otávio)
18 Luiz Antônio
17 Arthur (Apodi)
11 Niltinho (Osman)
09 Wellington Paulista
Coach: Daniel Farías Coach: Vágner Mancini
05
11
12
15
17
21
23
Henry Palomino
Kenny Romero, aos 42’/2º
Junior Marcano (gk)
Luis Ruiz
Édixson Cuevas
Albert Zambrano, aos 16’/2º
Luciano Guaycochea
10
12
16
21
22
27
30
Túlio de Melo
Elias Curzer (gk)
Diego Renan
Luiz Otávio, aos 28’/2º
Apodi, aos 39’/2º
Osman, aos 31’/2º
Neném
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 1 x 1 1 x 2
• Este é a primeira participação da Chapecoense numa Copa Libertadores;
• Chapecoense: Camisa Branca, Calção Branco e Meias Brancas;
• Zulia: Camisa Azul, Calção Azul e Meia Azuis;

.:: Galeria de Imagens ::.
Credit: globoesporte.globo.com/Marco Bello/Reuters
Credit: globoesporte.globo.com/Cahê-Mota

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Real Madrid Campeão Mundial de Clubes 2016

.:: Mundial de Clubes da Fifa 2016 ::.
Real Madrid derrota Kashima e conquista o mundial de clubes pela 5ª vez;
Credit: www.fifa.com/Getty-Images
Ficha Tecnica
R. Madrid 4 x 2 Kashima
FIFA World Cup Clubs Japan 2016
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Mundial de Clubes FIFA 2016 – Final (Jogo Único)
• Data (Date): Domingo, 18 de Dezembro de 2017, as 8:30 hs (de Brasilia) 19:30 local
• Estádio (Stadium): International, em Yokohama (Japão / Japan)
• Público (Attendance): 68.742 expectadores presentes
• Árbitro (Referee): Janny Sikazwe (Zambia / ZAM)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Marwa Range (Quenia / Kenya)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Jerson dos Santos (Angola / ANG)
• Quarta Árbitro (Fourth Official:): Viktor Kassai (Hungria / Hungary)
• Quinto Árbitro (Fifth Official:): György Ring (Hungria / Hungary)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Sergio Ramos, aos 10’/2º Shuto Yamamoto, aos 13’/2º
Casemiro, aos 10’/1º/Pror Fabricio, aos 3’/1º/Pror
Dani Carvajal, aos 12/’1º/Pror
Gols | Goals | Goles Gols | Goals | Goles
1-0 Karim Benzema, aos 8’/1º 1-1 Gaku Shibasaki, aos 43’/1º
2-2 Criastiano Ronaldo (pen), aos 14’/2º 2-1 Gaku Shibasaki, aos 6’/2º
3-2 Criastiano Ronaldo, aos 7’/1º/Pror
4-2 Criastiano Ronaldo, aos 13’/1º/Pror
Real Madrid Club de Fútbol Kashima Antlers Football Club
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Keylor Navas
02 Dani Carvajal
05 Raphaël Varane
04 Sergio Ramos © (Nacho)
12 Marcelo ©
19 Luka Modrić (Kovačić)
14 Casemiro
08 Toni Kroos
17 Lucas Vázquez (Isco)
09 Karim Benzema
07 Cristiano Ronaldo (Morata)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
21 Hitoshi Sogahata
22 Daigo Nishi
23 Naomichi Ueda
03 Gen Shoji
16 Shuto Yamamoto
25 Yasushi Endo (Ito)
10 Gaku Shibasaki
40 Mitsuo Ogasawara © (Fabricio)
06 Ryota Nagaki (Akasaki)
33 Mu Kanazaki
08 Shoma Doi (Suzuki)
Coach: Zinedine Zidane Coach: Masatada Ishii
03
06
10
13
15
16
18
20
21
22
23
25
Pepe
Nacho, aos 3’/2º/Pror
James Rodríguez
Kiko Casilla (gk)
Fábio Coentrão
Mateo Kovačić, no Intervalo Pror.
Republic Mariano
Marco Asensio
Álvaro Morata, aos 7’/2º/Pror
Isco, aos 35’/2º
Danilo
Rubén Yáñez (gk)
01
11
13
14
17
18
20
24
29
32
34
35
Masatoshi Kushibiki (gk)
Fabrício, aos 22’/2º
Atsutaka Nakamura
Hwang Seok-Ho
Bueno
Shuhei Akasaki, aos 9’/2º/Pror
Kento Misao
Yukitoshi Ito, aos 12’/1º/Pror
Shinichiro Kawamata (gk)
Taro Sugimoto
Yuma Suzuki, aos 43’/2º
Taiki Hirato
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 1 1 x 1 2 x 2 1 x 0 1 x 0 2 x 0
• Jogo válido pelo Mundial de Clubes da FIFA de 2016;
• No tempo normal terminou 2×2; Na prorrogação o Real Madrid venceu por 2×0;
• Com esse resultado o Real Madrid conquistou o mundial pela 5ª vez (2ª vez pela FIFA);
• Melhor Jogador (Man of the Match): Cristiano Ronaldo, Real Madrid;
• Brazucas no Jogo: Casemiro, Marcelo e Danilo (Real Madrid); Fabicio e Bueno (Kashima);
• Real Madrid: Camisa, Calção e Meias Brancas com detalhes Pretos (Adiadas);
• Kashima: Camisa Rubro-Negra, Calção Preto e Meia Pretas;
• Links Externos (Externa Links): www.fifa.com/clubworldcup/matches

.:: Galeria de Imagens – Images Gallery ::.
Jogadores do Real Madrid comemoram a conquista do Mundial de Clubes 2016;
Credit: www.fifa.com/Getty-Images
Em pé: Keylor Navas, Sergio Ramos, Toni Kross, Raphaël Varane, Dani Carvajal e Cristiano Ronaldo; Agachados: Lucas Vázquez, Marcelo, Karim Benzema, Casemiro e Luka Modrić;
Credit: www.fifa.com/Getty-Images
Em pé: Naomichi Ueda, Gen Shoji, Shuto Yamamoto, Mu Kanazaki e Hitoshi Sogahata;
Agachados: Mitsuo Ogasawara, Gaku Shibasaki, Shoma Doi, Daigo Nishi, Yasushi Endo e Ryota Nagaki;
Credit: www.fifa.com/Getty-Images
Gaku Shibasaki (Bola de Bronze), Cristiano Ronaldo (Bola de Ouro) e Luka Modrić (Bola de Prata);
Credit: www.fifa.com/Getty-Images

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

%d blogueiros gostam disto: