Archive for the ‘x Náutico vs Sport’ Category

28/02/2016 – Sport Recife 2 x 0 Náutico

Sport quebra invecibilidade do Timbú e embala no estadual;
Crédito: www.blogs.ne10.uol.com.br/Bobby-Fabisak/JC-Imagem
Ficha Tecnica
Sport 2 x 0 Náutico
Campeonato Pernambucano de 2016
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Campeonato Pernambucano – Hexagonal – 5ª Rodada
• Data (Date): Domingo, 28 de Fevereiro de 2015, as 17:00 hs (de Brasília)
• Estádio (Stadium): Ademar da Costa Carvalho “Ilha do Retiro”, Recife/PE
• Público (Attendance): 14.504 pagantes – Renda: R$ 309.991,00.
• Árbitro (Referee): Tiago Nascimento dos Santos/PE
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Marcelino Castro de Nazare/PE
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Ricardo Bezerra Chianca/PE
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Giórgio Wilton Macêdo dos Santos/PE
• Advertências (Cautions): Luiz Antônio 4′, Gaston 9′, Samuel Xavier 74′ e Elicarlos 78′
• Expulsão (Sent Off): Nenhuma
Gols – Goals Gols – Goals
1-0 Lenis, aos 34’/1º
2-0 Fábio, aos 38’/2º
Sport Club do Recife Clube Náutico Capibaribe
GO
LD
ZA
ZA
LE
MC
MC
MC
MC
MC
AT
12 Danilo Fernandes
27 Samuel Xavier
16 Matheus Ferraz
04 Durval
06 Renê
21 Rithely
08 Serginho
15 Luiz Antônio
97 Éverton Felipe (Fábio)
07 Lenis (Henríquez)
28Juniho (Wallace)
GO
LD
ZA
ZA
LE
MC
MC
MC
MC
MC
AT
01 Júlio César
02 Rafael Pereira (Joazi)
04 Fabiano Eller
03 Ronaldo Alves
06 Gastón Filgueira
05 Elicarlos
08 Niel
11 Esquerdinha (Thiago Santana)
07 Roni
10 Renan Oliveira (Caíque)
09 Daniel Morais
Coach: Paulo Roberto Falcão Coach: Gilmar Dal Pozzo
01
02
25
29
30
41
66
Magrão (gk)
Osvaldo Henriquez, aos 30’/2º
Neto
Ronaldo
Fábio, aos 19’/2º
Wallace, no Intervalo
Christiano
12
13
14
15
16
17
18
19
20
Rodolpho (gk)
Rafael Ribeiro
Cal
Joazi, aos 26’/2º
Gilberto
Jéfferson
Eduardo
Thiago Santana, aos 13’/2º
Caique, aos 39’/2º
Observações
# A partida deste domingo colocou frente a frente duas equipes em boa fase. O Sport, dono da casa, se recuperou de um início vacilante e emendou cinco jogos sem perder. O Náutico, visitante, vinha de quatro partidas invicto e sem sofrer gols. Dentro da Ilha do Retiro, o Leão fez valer sua força. Em tarde do atacante Lenis, que marcou um gol e fez a jogada do segundo, a equipe de Falcão venceu por 2 a 0 e, num golpe só, quebrou a invencibilidade do rival, os 100% de aproveitamento e vazou uma defesa que ainda não havia levado gol no Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano (Globo Esporte);
# Sport: Camisa Rubro-Negra, Calção Preto e Meias Pretas;
# Náutico: Camisa listrada em Vermelho-Branco, Calção Branco e Meias Brancas;
# Súmula do Jogo: www.fpf-pe.com.br/sistema/blocos/sumula.pdf
# Links Externos (External Links): blogs.ne10.uol.com.br/torcedor
# Links Externos (External Links): globoesporte.globo.com/tempo-real
# Todos os Jogos do Ceará Sporting Club: www.cearascpedia.wordpress.com
# Todos os Jogos da Seleção Brasileira: jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
1 x 0 1 x 0 2 x 0

.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Anúncios

Sport Recife Campeão Pernambucano de 2014

Jogadores do Sport comemoram a conquista do estadial de 2014;
Crédito: www.midiaonlline.com
Ficha Tecnica
Náutico 0 x 1 Sport
Resultado Agregado: Náutico 0 x 3 Sport
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Campeonato Pernambucano de 2014 – Final – 2º Jogo
• Data (Date): Quarta-Feira, 23 de Abril de 2014, às 22:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Itaipava Arena Pernambuco, São Lourenço da Mata/PE
• Público (Attendance): 30.061 pagantes – Renda: R$ 809.950,00
• Árbitro (Referee): Leandro Pedro Vuaden/PE
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Clovis Amaral da Silva/PE
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Charles Rosas/PE
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (No Registry)
• Advertências (Cautions): Neto Baiano 1′, Leonardo Luiz 1′, Ailton 33′, Jackson 36′, Renê 40′, Rodrigo Mancha 72′, Leonardo Luiz 75′ e Renê 80′
• Expulsão (Sent Off): Leonardo Luiz, aos 30′ e Renê, aos 35′ minutos do 2º tempo
Gols | Goals Gols | Goals
1-0 Durval, aos 32’/2º
Clube Náutico Capibaribe Sport Club do Recife
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Alessandro
02 Jackson
03 Leonardo Luiz [Expulso]
04 Flávio
06 Raí (Leleu)
05 Dê
11 Yuri
08 Elicarlos (Marcos Vinícius)
10 Zé Mário (Vinícius)
07 Marinho
09 Marcelinho
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Magrão
02 Patric
04 Durval ©
03 Ferron
06 Renê [Expulos]
05 Ewerton Páscoa (Rithely)
08 Rodrigo Mancha
07 Wendel (Danilo)
10 Ailton (Felipe Azevedo)
11 Ananias
09 Neto Baiano
Técnico: Lisca Técnico: Eduardo Baptista
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
Jéfferson (gk)
William Alves
Hélder Maurilio
João Ananias
Rodrigo Possebon
Lelêu, aos 21’/2º
Paulo Júnior
Geovane
Vinicius, aos 26’/2º
Marcos Vinicius, no Intervalo
Hugo Guimarães
12
13
14
15
16
17
18
19
20
Saulo (gk)
Oswaldo
Danilo, aos 10’/2º
Rithley, aos 10’/2º
Renan Oliveira
Felipe Azevedo, aos 36’/2º
Ronaldo
Érico Júnior
Leonardo
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
0 x 0 0 x 1 0 x 1
# Com esse reesultado o Sport sagrou-se campeão estadual pela 40ª vez;
# O Sport jogava por um empate pois havia vencido o primeiro jogo;
# Sport: Camisa Rubro-Negra, Calção Preto e Meias Pretas;
# Náutico: Camisa listrada em Vermelho-Branco, Calção e Meia Brancas;
# Links Externos (External Links): www.gazetapress.com/galeria-de-imagens-da-final
# Links Externos (External Links): www.soccerway.com/finais-dos-estaduais
# Links Externos (External Links): www.globoesporte.globo.com/finais-dos-estaduais
# Links Externos (External Links): www.globoesporte.globo.com/o-jogo-em-tempo-real

.:: Galeria de Imagens ::.
Sport Club do Recife Campeão Pernambucano de 2014;
Crédito: www.gazetapress.com/Aldo-Carneiro-Costa/Gazeta-Press
Jogadores do Sport comemoram a conquista do estadual;
Crédito: www.gazetapress.com/W.Correia-Neto/Gazeta-Press
O zagueiro e campitão Durval marcou o gol da vitória e do título do Sport;
Crédito: www.aventurapassira.blogspot.com.br
Imagem da partida que deu o título estadual ao Sport;
Crédito: www.gazetapress.com/W.Correia-Neto/Gazeta-Press

Sport Campeão

A torcida do Sport se antecipou ao apito final. Soltou o grito de campeão espontâneo, aos 31 minutos do segundo tempo. Consequência imediata do gol de Durval. Obrigado a vencer, o Náutico não teve mais forças para virar o placar. E o xerife subiu alguns degraus no patamar de ídolo da torcida rubro-negra. O desvio de cabeça, após falta cobrada por Ailton, garantiu a vitória por 1 a 0 sobre o Timbu na Arena Pernambuco.

Sport campeão pernambucano pela 40ª vez. O primeiro festejo de título no palco da Copa do Mundo no estado. A segunda conquista do Leão em duas semanas. De quebra, segue intacto um saboroso tabu sobre o tradicional adversário: desde 1968 o Sport não perde uma final para o Alvirrubro. Já são nove. Duas semanas atrás, a festa foi pelo título da Copa do Nordeste, na Arena Casteão.

Mais uma vez, o time rubro-negro soube suportar a pressão e tirar proveito da vantagem construída na Ilha do Retiro. As duas decisões começaram com vitória por 2 a 0, dentro de casa.

– Como sempre, o Náutico é vice, e nós somos campeões. Eu já tinha dito: a obrigação de vencer é de quem é da Primeira Divisão. Na verdade, não teve nem muita graça. Contra o Náutico é sempre assim – provocou o atacante Neto Baiano, artilheiro rubro-negro com oito gols.

A torcida alvirrubra amarga mais um ano de jejum: 2004 é o ano da última conquista. Nesta quarta, com maioria alvirrubra, mais de 30 mil compareceram à Arena Pernambuco. O melhor público do campeonato.

Quando a bola rolou, o que se viu foi um cenário completamente distinto ao do primeiro jogo. Na primeira etapa, o Náutico teve mais posse de bola (58%) e esteve perto de abrir o placar. Jackson acertou uma bomba no travessão de Magrão. A necessidade do gol empurrou o Timbu ao ataque, mas o Sport teve o mérito de conseguir equilibrar as ações e – ainda que com menos perigo – criou suas chances. Um desenho até certo ponto esperado, tendo em vista a vantagem do Leão e a necessidade vital de gol do Timbu.

Lisca voltou do intervalo com o time mais ofensivo. Trocou Elicarlos por Marcos Vinícius. O Náutico continuou a rondar a aréa do Sport. E a assustar. Aos 22 minutos, Magrão cresceu cara a cara com Zé Mário. Um lance capital. Menos de dez minutos depois, brilhou a estrela de Durval. No desvio de cabeça, gol. O quinto título estadual do zagueiro com a camisa do Sport ganhara forma de vez. Marca expressiva, só abaixo da de Magrão, com seis taças. Os dois maiores ídolos da torcida rubro-negra. O capitão e o vice-capitão, como dizem os companheiros. Protagonistas uma vez mais. (Fonte: Globo Esporte)


.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

16/04/2014 – Sport Recife 2 x 0 Náutico

Sport sai na frente na primeira decisão do campeonato pernambucano;
Crédito: www.gazetapress.com/Aldo-Carneiro-Costa/Gazeta-Press
Ficha Tecnica
Sport 2 x 0 Náutico
Final do Campeonato Pernambucano de 2014
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Campeonato Pernambucano de 2014 – Final – 1º Jogo
• Data (Date): Quarta-Feira, 16 de Abril de 2014, às 22:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Adelmar da Costa Carvalho “Ilha do Retiro”, em Recife/PE
• Público (Attendance): 26.173 pagantes – Renda: R$ 809.950,00
• Árbitro (Referee): Wilton Pereira Sampaio
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Elan Vieira de Souza
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Wlademir de Souza Lins
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Sem Registro (No Registry)
• Advertências (Cautions): Zé Mário 26′, Páscoa 31′, Patric 35′, Flávio 43′ e Ferron 58′
• Expulsão (Sent Off): Nenhuma (None)
Gols | Goals Gols | Goals
1-0 Patric, aos 19’/2º
2-0 Neto Baiano, aos 39’/2º
Sport Club do Recife Clube Náutico Capibaribe
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Magrão
02 Patric
03 Ferron
04 Durval ©
06 Renê
05 Ewerton Páscoa (Rithely)
08 Rodrigo Mancha
07 Wendel (Renan Oliveira)
10 Ailton
11 Felipe Azevedo (Ananias)
09 Neto Baiano
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Alessandro
02 Jackson
03 Leonardo Luiz
04 Flávio
06 Raí
05 Dê
07 Yuri
11 Marcos Vinicius (Vinicius)
10 Zé Mário
08 Lelêu (Marcelinho)
09 Paulo Júnior (Geovane)
Técnico: Eduardo Baptista Técnico: Lisca
12
13
14
15
16
17
18
19
20
Saulo (gk)
Oswaldo
Danilo
Rithley, aos 40’/2º
Renan Oliveira, aos 16’/2º
Ananias, no Intervalo
Bruninho
Érico Júnior
Leonardo
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
Jéfferson (gk)
William Alves
João Ananias
Rodrigo Possebon
Liniker
Vinicius, no Intervalo
Marcelinho, no Intervalo
Geovane, aos 25’/2º
Renato
Gustavo Henrique
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
0 x 0 2 x 0 2 x 0
# Com esse reesultado o Sport joga por um empate, no próximo jogo, pra ser campeão;
# O Náutico terá que vencer, por qualquer placar, e levar para os pênaltis;
# Sport: Camisa Rubro-Negra, Calção Preto e Meias Pretas;
# Náutico: Camisa listrada em Vermelho-Branco, Calção e Meia Brancas;
# Links Externos (External Links): www.gazetapress.com/galeria-de-imagens-da-final
# Links Externos (External Links): www.soccerway.com/finais-dos-estaduais
# Links Externos (External Links): www.globoesporte.globo.com/finais-dos-estaduais

.:: Galeria de Imagens ::.
Os dois times perfilados para a execução do hino nacional;
Crédito: www.gazetapress.com/Aldo-Carneiro-Costa/Gazeta-Press
Eduardo Alexandre Baptista técnico do Sport Recife;
Crédito: www.gazetapress.com/Aldo-Carneiro-Costa/Gazeta-Press
Luiz Carlos Cirne Lima de Lorenzi “Lisca”, técnico do Náutico;
Crédito: www.gazetapress.com/Aldo-Carneiro-Costa/Gazeta-Press

Sport Larga na Frente

A combinação mata-mata e Ilha do Retiro tem feito bem ao Sport nesta temporada. O primeiro jogo da final do Pernambucano foi mais uma prova. Pela quinta vez no ano, o campeão da Copa do Nordeste se impôs ao adversário em um jogo eliminatório dentro de casa. Já são cinco vitórias em cinco jogos. Na noite desta quarta-feira, contra o Náutico, placar de 2 a 0. Gols de Patric e Neto Baiano. Sabor de goleada.

Na próxima quarta, basta o empate para o Rubro-negro garantir o título na Arena Pernambuco. Como o regulamento ignora saldo de gols no confronto, o Sport já assegurou, no mínimo, a decisão por pênaltis. O resultado premiou o time que mais buscou o ataque

Desde o início, os rubro-negros comandaram as ações diante de um adversário retraído. Vencer parecia questão de honra. Até porque o Náutico havia batido o rival nos dois Clássicos dos Clássicos na Ilha do Retiro, este ano, quebrando jejuns de décadas.

Por falar em jejum, o Timbu vai precisar superar um de quase meio século para ficar com a taça. O último título sobre o Sport foi em 1968. Desde então, oito conquistas do Leão em finais contra o Náutico, campeão pela última vez em 2004, numa decisão contra o Santa. Nesta quarta, mais de 26 mil compareceram à Ilha. No fim, o Timbu ainda teve um gol legal anulado de forma errada pelo assistente Elan Vieria, que viu um impedimento inexistente de Marcelinho.

Os 65% de posse de bola resumem o maior domínio do Sport no primeiro tempo. Principalmente porque, apesar do placar parcial em branco, o Leão produziu. Criou. Felipe Azevedo e Neto Baiano desperdiçaram as melhores chances. A de Azevedo, mais clara. Do outro lado, as ações ofensivas do Náutico se limitaram a dois chutes de fora da área. Um de Zé Mário, que exigiu excelente defesa de Magrão, no ângulo, e outro de Marcos Vinícius.

Fechado, o Timbu concentrou-se nas tentativas de contra-ataque, mas encontrou dificuldade diante de um sistema defensivo adversário bem postado. A opção de Lisca em escalar apenas um atacante de ofício, Paulo Júnior, deixou clara qual a proposta de jogo. Yuri, Dê, Zé Mário e Marcos Vinícius formaram o meio de campo alvirrubro, com o veloz Leleu, principal novidade, mais adiantado como uma válvula de escape.

Eduardo Baptista manteve a mesma escalação da vitória sobre o Santa Cruz, com Wendel priorizado e o possível retorno de Ananias adiado. Ailton começou muito bem a partida, pensando o jogo e municiando o ataque, mas depois diminuiu o ritmo. Na lateral esquerda, Renê esteve participativo. A cabeçada para fora aos 39 minutos foi o único lance de Neto Baiano. Sumido.

No intervalo, Lisca trocou duas peças: Marcos Vinícus e Leleu por Vinícius e Marcelinho, respectivamente. No Sport, os muitos erros de Felipe Azevedo custaram a vaga. Ananias foi acionado. A medida em que o tempo passava, o Náutico ficava mais à vontade em sua proposta mais precavida. Os primeiros 15 minutos do Sport no segundo tempo deixaram a desejar em relação ao volume da primeira etapa.

Neto Baiano inclusive continuava uma peça nula. Até os 19 minutos. Quando Ailton levantou bola na área, o centroavante rubro-negro fez o papel de pivô com perfeição. Na medida para Patric finalizar, de primeira. Sem chances para Alessandro. Gol para incendiar a Ilha do Retiro. Justo quando o Náutico conseguia começar a respirar. Sport 1 a 0.

O Sport melhorou depois do gol. Não se deu por satisfeito. Aumento o ritmo. Ewerton Páscoa desperdiçou uma boa chance aos 39. No mesmo minuto, Neto Baiano apareceu de forma decisiva outra vez. E, ao contrário do companheiro, não perdoou. Após um passe de cabeça de Durval, o camisa 9 fuzilou Alessandro dentro da pequena área. Depois, fiel ao estilo provocador, dançou na comemoração, dando mais ritmo à festa que já tomava conta da Ilha. (Fonte: Globo Esporte)


.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Ficha Tecnica: Náutico (1) 2 x 0 (3) Sport

Participantes do Brasil e a Taça – Crédito: www.lazeresportes.com
Ficha Tecnica
Náutico 2 x 0 Sport
Nas Penalidades: Náutico 1 x 3 Sport Recife
Match Report
• Competição (Tournament): Copa Sulamericana 2013 – 2ª Fase – 2º Jogo
• Data (Date): Quarta-Feira, 28 de Agosto de 2013 – 21:50 hs (de Brasília)
• Estádio (Stadium): Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata,/PE
• Público (Attendance): 8.320 pagantes – Renda: R$ 217.195,00
• Árbitro (Referee): Heber Roberto Lopes (PR)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Marcio Santiago
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Marcelo Van Gasse
• Advertências (Cautions): Peri 27′, Tobi 45’+1, Patric 71′ e Leandro 77′
• Expulsão (Sent Off): Peri, aos 36′ minutos do 2º tempo
Gols (Goals) Náutico Gols (Goals) Sport
1-0 Elicarlos, aos 47’/1º
2-0 Olivera, aos 17’/2º
Pênaltis do Náutico Pênaltis do Sport
1º Olivera (Goleiro Defendeu) 1º Felipe Azevedo (1-0)
2º Tiago Real (Goleiro Defendeu) 2º Marcelo Cordeiro (2-0)
3º Jônatas Belusso (1-2) 3º Patric (3-1)
4º Rogério (Goleiro Defendeu)
Club Náutico Capibaribe Sport Club do Recife
GO
LD
ZA
ZA
LE
MC
MC
MC
MC
AT
AT
01 Ricardo Berna;
22 Oziel (Derley, ht),
30 João Felipe (William Alves, ht),
23 Leandro Amaro e
28 Bruno Colaço;
05 Elicarlos,
07 Martinez,
29 Diego Morales (Belusso, 74′) e
10 Tiago Real;
19 Juan Olivera e
09 Rogério.
GO
LD
ZA
ZA
LE
MC
MC
MC
MC
AT
AT
01 Magrão;
02 Patric,
04 Gabriel Santos,
05 Tobi e
16 Peri (Expulso);
14 Ânderson Pedra,
21 Rithely,
19 Lucas Lima (M. Cordeiro, 79′) e
29 Camilo (Patrick Silva, 78′);
11 Felipe Azevedo e
09 Roger (Marcos Aurélio, 57′).
Coach: Jorginho Amorim Coach: Marcelo Martelotte
04
08
11
12
15
18
20
William Alves, no Intervalo
Derley, no Intervalo
Maikon Leite
Gideão (gk)
Louis Angelo Peña
Jones Carioca
Jonatas Belusso, aos 28’/2º
03
10
15
17
23
26
27
Marcelo Cordeiro, aos 34’/2º
Marcos Aurélio, aos 11’/2º
Renan Teixeira
Nunes
Saulo (gk)
Vinícius
Patrick Silva, aos 33’/2º
Observações
# No yrmpo normal o Náutico venceu por 2 x 0 o mesmo placar do jogo anterior. A decisão, então, foi para as penalidades e o Sport venceu por 3 x 1 classificando-se para as Oitavas de Final.
# Magrão defendeu as penalidades de Oliveira, Tiago Real e Rogério.
# Náutico: Camisa listrada em Branco e Vermelho, Calção e Meias Brancas;
# Sport: Camisa Rubro-Negra, Calção e Meias Pretas.
Súmula – Match Report: www.conmebol.com/copa-sudamericana
# Referências: www.wikipedia.org/Copa-Sul-Americana-2013
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern. Final
1 x 0 1 x 0 2 x 0 1 x 3 1 x 3

.:: Seleção Brasileira ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Ficha Tecnica: Sport Recife 2 x 0 Náutico

.:: Copa Sulamericana 2913 ::.
Participantes do Brasil e a Taça – Crédito: www.lazeresportes.com
Ficha Tecnica
Sport 2 x 0 Náutico
Copa Sulamericana 2013 – Segunda Fase
Match Report
• Competição (Tournament): Copa Sulamericana 2013 – 2ª Fase – 1º Jogo
• Data (Date): Terça-Feira, 20 de Agosto de 2013 – 19:30 hs (de Brasília)
• Estádio (Stadium): Adelmar da Costa Carvalho “Ilha do Retiro”, em Recife/PE
• Público (Attendance): 16.125 pagantes – Renda: R$ 348.500,00
• Árbitro (Referee): Sandro Meira Ricci (PE)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Alessandro Rocha (BA)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Emerson de Carvalho (SP)
• Advertências (Cautions): Rogério 22′, Patric 28′, Auremir 40′, Derley 64′, Rithely 69′, Elicarlos 33′, Renan Teixeira 89′ e Camilo 90′
• Expulsão (Sent Off): Nenhuma
Gols (Goals) Sport Gols (Goals) Náutico
1-0 Felipe Azevedo, aos 4’/1º
2-0 Patric, aos 42’/1º
Sport Club do Recife Club Náutico Capibaribe
GO
LD
ZA
ZA
LE
MC
MC
MC
MC
AT
AT
01 Magrão;
12 Patric,
04 Gabriel Santos,
05 Tobi e
16 Peri;
14 Ânderson Pedra (Renan),
29 Camilo (Chumacero),
19 Lucas Lima e
21 Rithely;
11 Felipe Azevedo e
09 Róger (Diego Maurício).
01
05
04
03
27
06
07
10
23
09
31
01 Ricardo Berna;
02 Auremir,
30 João Filipe,
03 Jean Rolt e
06 Eltinho;
08 Derley,
05 Elicarlos,
07 Martinez e
10 Tiago Real (Angelo Peña);
11 Maikon Leite (Hugo) e
09 Rogério (Olivera).
Coach: Paulo Cesar Gusmão Coach: Jorginho Amorim
03
08
15
17
23
27
28
Marcelo Cordeiro
Alejandro Chumacero, aos 45’/2º
Renan Teixeira, aos 39’/2º
Nunes
Saulo (gk)
Patrick
Diego Mauricio, aos 32’/2º
12
13
14
15
18
19
21
Gideão (gk)
Dadá
Rodrigo Souto
Louis Angelo Peña, aos 26’/2º
Jones Carioca
Juan Olivera, aos 26’/2º
Hugo, no Intervalo
Observações
# Com esse resultado o Sport joga por um empate, no próximo jogo, para se classificar.
# O Náutico terá que vencer por 3 ou mais gols de diferença para se classificar.
# Se o Náutico vencer por 2 x 0 a decisão irá para as penalidades.
# Este foi o 1º clássico entre Sport e Náutico válido por uma competição internacional oficial.
# O jogo de volta será em 28 de agosto na Arena Pernambuco.
# Súmula – Match Report: www.conmebol.com/copa-sudamericana
# Referências: www.wikipedia.org/Copa-Sul-Americana-2013
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern. Final
2 x 0 0 x 0 2 x 0

.:: Seleção Brasileira ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Clássico: Náutico x Sport


Ø Lance dos Clássico dos Clássicos. (Imagem: http://globoesporte.globo.com/)
Náutico x Sport
Clássico dos Clássicos
Clássico dos Clássicos
Os Números do Clássico
Clube Vitória Empate Derrota Gols Pró Gols Contra
Náutico 163 131 191 620 672
Sport 191 131 163 672 620
TOTAL 486 Jogos 1.292 Gols Marcados

Ø Clássico dos Clássicos Até os anos 40, ele era chamado de “Fla-Flu Pernambucano”. Uma referência ao maior clássico do país na época. Depois foi ganhando personalidade própria, até virar o “Clássico dos Clássicos”. Trata-se do confronto mais tradicional do futebol de Pernambuco – afinal foi contra o Sport, em 25/07/1909, que o Náutico, fundado em 1901, realizou sua primeira partida de futebol de sua história, vencendo por 3 x 1. Ainda naquele ano os dois se enfrentariam mais uma vez, com nova vitória alvirrubra, por 2 x 0. A surpresa foi geral. O Náutico era uma equipe improvisada, de um clube até então dedicado ao remo, que fazia sua estréia diante de um rival já experiente com a bola nos pés. Essa rivalidade entre os dois, aliás, vinha de mais longe, pois ambos já se enfrentavam nas águas do Rio Capibaribe em Recife. E, no futebol, continuariam se enfrentando por um bom tempo. (wikipedia.org)


Ø Primeiro Jogo: (25/07/1909) Náutico 3 x 1 Sport (Campo do British Club)
Ø Maior Goleador do Náutico: Fernando Carvalheira, 26 gols
Ø Maior Goleador do Sport: Traçaia, 13 gols.


# 486 – 19/04/2009 – Náutico 0 x 0 Sport Recife
Competição: Campeonato Pernambucano de 2009 – 2º Turno – 11ª Rodada
Data: Domingo, 19/04/2009. Horário: 16:00 h (horário de Brasília). Estádio: do Náutico – Aflitos (Recife-PE).
Público: 18.759 Renda:R$ 103.000,00
Árbitro: Héber Roberto Lopes (PR).
Auxiliares: Erich Bandeira (PE) e Pedro Wanderley (PE).
Cartões amarelos: Dutra e Wilson, do Sport e Derlei, do Náutico
Expulsão: não houve
# Clube Náutico Capibaribe # Sport Club do Recife
Eduardo;
Gladstone,
Negretti e
Asprilla;
Galiardo (Kuki),
Vágner,
Derlei,
Carlinhos Bala e
Wellington (Daniel González);
Gilmar e
Adriano Magrão (Anderson Lessa).
Técnico: Waldemar Lemos
Magrão;
Igor,
César e
Durval;
Moacir,
Hamilton,
Daniel Paulista (Andrade),
Paulo Baier e
Dutra;
Wilson e
Vandinho (Ciro).
Técnico: Nelsinho Baptista
OBS: Com esse resultado o Sport sagrou-se campeão do 2º turno e port vencido também o 1º sagrou-se tetra-campeão estadual invícto.
# 485 – 15/02/2009 – Sport Recife 2 x 0 Náutico

Competição: Campeonato Estadual de 2009 – 1º Turno – 11ª Rodada
Estádio: do Sport de Recife – Ilha do Retiro, Recife (PE)
Data/hora: 14.02.09 – 17h (de Brasília)
Árbitro: Patrício Souza
Assistentes: Júlio César Bezerra e Ubirajara Ferraz
Público e Renda: 15.792 / R$ 77.985
Cartões amarelos: Andrade, Dutra, Durval (SPO); Edson Miolo, Galliardo, Gladstone,Johnny, Vágner (NAU)
Cartões vermelhos: Johnny (40’/2ºT)
Gols: Durval (1-0) 31’/1ºT; Fumagalli (2-0) 06’/2ºT (SPO)

SPORT:
Magrão, Igor, César e Durval; Moacir, Hamilton, Sandro Goiano, Fumagalli e Dutra; Wilson (Luciano Henrique 27’/2ºT) e Ciro (Weldon 34’/2ºT).Técnico: Nelsinho Baptista.

NÁUTICO:
Eduardo, Carlinhos (Adriano Magrão 30’/2ºT), Vágner, Gladstone, e Edson Miolo (Anderson Santana 28’/1ºT); Johnny, Nunes, Galliardo (Dinda 01’/2ºT) e David; Gilmar e Carlinhos Bala. Técnico: Roberto Fernandes.

# 484 – 19/10/2008 – Sport Recife 2 x 2 Náutico

Competição: Camp. Brasileiro Série A de 2009 – 2º Turno – 30ª Rodada
Estádio: do Sport – Ilha do Retiro, Recife (PE)
Data/hora: 19.10.08 – 18h10 (de Brasília)
Renda/público: R$ 230.175,00/28.831 pagantes
Árbitro: Alicio Pena Júnior – Fifa (MG)
Assistentes: Erich Bandeira – Fifa (PE) e Luciano José Coelho Cruz (PE)
Gols: Gilmar, 18′/1ºT (0-1); Durval, 47′/1ºT (1-1); Roger, 1′/2ºT (2-1); Felipe, 14′/2ºT (2-2)
Cartões: Sidny, Andrade, Carlinhos Bala, Roger (SPO); Hamilton, Gilmar, Derley, Ruy, Ticão (NAU). Vermelhos: Roger, 15′/2ºT (SPO); Ticão, 37′/2ºT (NAU)

SPORT:
Magrão, Sidny, Igor, Durval e Dutra; Andrade, Sandro Goiano, Fumagalli (Júnior Maranhão, 22′2ºT) e Carlinhos Bala; Roger e Wilson (Luciano Henrique, 22′/2ºT). Técnico: Nelsinho Baptista.

NÁUTICO:
Eduardo, Everaldo, Vagner e Adriano; Ruy, Hamilton, Derley (Ticão, 18′/2ºT), William e Alessandro; Gilmar (Paulo Santos, 27′/2ºT) e Felipe (Kuki, 41′/2ºT). Técnico: Roberto Fernandes.

# 483 – 13/07/2008 – Náutico 0 x 2 Sport Recife

Competição: Camp. Brasileiro Série A de 2009 – 1º Turno
Estádio: do Náutico – Aflitos, Recife (PE)
Data/hora: Domingo, 13/07/08 – 18h10min (de Brasília)
Árbitro: Wilson Souza de Mendonça (PE)
Auxiliares: Jossemar José Diniz Moutinho e José Pedro Wanderlei da Silva (PE)
Renda e público: R$ 251.025,00 / 19.141 presentes
Cartão Amarelo: Vagner, Everaldo e Wellington (NAU); Leandro Machado (SPT)
Cartão Vermelho: não houve
Gols: Carlinhos Bala, 10’/2ºT (0-1); Durval, 3’/2ºT (0-2)

NÁUTICO:
Eduardo, Ruy, Vágner, Negretti e Everaldo; Ticão (Gilmar, Intervalo), Radamés, Geraldo (Hélton, 7’/2ºT) e Paulo Santos; Felipe (Thiago, 26’/2ºT) e Wellington. Técnico: Leandro Machado.

SPORT:
Magrão, Gabriel (César, 44’/2ºT), Igor e Durval; Diogo; Daniel Paulista, Sandro Goiano, Fumagalli (Luciano Henrique, 39’/2ºT) e Dutra; Carlinhos Bala e Leandro Machado (Enilton 23’/2ºT). Técnico: Nelsinho Baptista.
OBS: Após o jogo o técnico Leandro Machado, do Náutico, foi demitido.

Ø Outros Jogos

Jogo 0001

25.07.1909 – Náutico 3 x 1 Sport
Competição: Amistoso. Renda: ND. Público: ND.
Local: British Club; Juiz: Thomas Wright. [A Chalmers e Guilherme Fonseca].
Gols: R Maunsell (1×0), R Maunsell (2×0) // D Thomas (3×0), C Chalmers (3×1).

Náutico: H King; E Montagne Smith e H A R Avila; R Ramage, F M Ivatt e Jonh Cook; A Silva, H Grant, Anderson, R Maunsell, D Thomas e João Maia.

Sport: L Latham; N D T Oliver e W H Muller; Frank Fellows, W Pickwood e Willie Robinson; Alberto Amorim, S T Marsh, L Grifith, C Chalmers e J Amorim Jr.

Nota: O Náutico jogou com camisa branca com distintivo e calção branco. O Sport jogou com camisa encarnada e preta e calção branco.

Jogo 1.000

26.05.1957 – Náutico 2 x 0 América
Competição: Amistoso. Renda: Cr$ 314.630,00. Público: ND.
Local: Afitos; Juiz: Horst Herden. [Vicente Lobão e Ivanildo Bezerra].
Gols: Elias (19/1), Benitez (22/1) (cabeça).

Náutico: Cazuza; Caiçara (Cuica) e Lula; Gilson, Zequinha e Nenzinho; Zezinho, Benitez, Ivson, Douglas e Elias. Técnico: Ricardo Diez.

América: Leça; Giroldo e Cido; Claudio (Itamar), Rosael e Claudinho; Carlinhos, Perereca, Dimas, Celli e Gilberto II.

Jogo 1.408

06.10.1965 – Náutico 5 x 3 Sport
Competição: CP – 2ºT. Renda: Cr$ 10.838.400,00. Público: 14.610.
Local: Aflitos; Juiz: Sebastião Rufino.
Gols: Chico (8/1) (falta), Bita (28/1) (p), Neco (37/1), Neco (48/1) // Nino (27/2) (cabeça), Lala (28/2), Lala (40/2) (cabeça), Bita (44/2) (p).

Náutico: Joélcio; Gena, Mauro, Gilson Saraiva e Clóvis; Didica e Ivan Brondi; Nado, Bita, Nino e Lala. Técnico: Duque.

Sport: Pedrinho; Adilson, Baixa, Dodô e Hélmiton; Gojoba e Chico; Isaac, Pelezinho, Neco e Fernando José. Técnico: Dante Bianchi.

Nota: O Sport, campeão do 1ºT, vencendo esta partida teria dado um largo passo para ganhar o 2º e último turno. Se isto tivesse acontecido, muito provavelmente, o Náutico não conquistaria o tri-campeonato em 1965, e, conseqüentemente, o hexa-campeonato em 1968.

Comentário: Este foi o jogo do Náutico que mais me emocionou. (2 dias depois eu completaria 22 anos. Foi um ótimo presente de aniversário)

Jogo 1.568

21.07.1968 – Náutico 0 x 0 Sport
Prorrogação: 1×0
Competição: CP – 3ª M3. Renda: NCr$ 57.913,50. Público: 23.320. pagantes
Local: Aflitos; Juiz: Erilson Gouveia/Armindo Tavares.
Gols: Ramos (1/4). (1º minuto do 2º tempo da prorrogação)

Náutico: Válter; Gena, Limeira, Matias e Toinho; Jardel (Ede) e Ivan Brondi; Miruca (Rato), Ramos, Nino e Lala. Técnico: Duque.

Sport: Miltão; Valdeci, Bibiu, Gilson e Altair (Zequinha); Válter e Soares; Dema, Acelino, Zezinho e Garcia (César). Técnico: Astrogildo Neri.

Nota: Valdeci e Zezinho foram expulsos no 2º tempo da prorrogação, quando o placar era 1×0. Armindo Tavares apitou a prorrogação porque Erilson Gouveia sentiu uma distensão muscular.

fonte: http://www.nauticonet.com.br/