Archive for the ‘Jogos Fluminense/RJ’ Category

Corinthians Campeão Brasileiro de 2017

Corinthians derrota Flu, de virada, e conquista seu sétimo título brasileiro;
Crédito: www.netflu.com.br
Ficha Tecnica
Corinthians 3×1 Fluminense
Campeonato Brasileiro Série A de 2017
Ficha Técnica









Competição (Tournament): Campeonato Brasileiro Série A de 2017 – 35ª Rodada
Data (Date): Quarta-Feira, 15 de Novembro de 2017, 21:45 h (de Brasília)
Estádio (Stadium): Arena do Corinthians “Itaquerão”, São Paulo/SP
Público (Attendance): 45.775 pagantes – Renda: R$ 2.882.688,00
Árbitro (Referee): Bráulio da Silva Machado/SC
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Kléber Lucio Gil/SC (FIFA)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Neuza Ines Back/SC (FIFA)
Assistente Adicional 1 (Additional Assistant 1): William Machado Steffen/SC
Assistente Adicional 2 (Additional Assistant 2): Evandro Tiago Bender/SC
Quarto Árbitro (Fourth Official): Henrique Neu Ribeiro/SC
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Gabriel, aos 13’/1º Léo, aos 45’/1º
Henrique Dourado, aos 46’/1º
Reginaldo, aos 12’/2º
Pedro, aos 34’/2º
Henrique Buss, aos 34’/2º
Lucas, aos 45’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-1 Jô, a 1’min/2º (Cabeça) 1-0 Henrique, a 1’min/1º (Cabeça)
2-1 Jô, aos 4’/2º (cabeça)
3-1 Jádson, aos 40’/2º
Sport Club Corinthians Paulista Fluminense Football Club
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
40 Caíque
23 Fágner
34 Pedro Henrique
03 Pablo
13 Guilherme Arana
05 Gabriel
29 Camacho (Jadson)
11 Ángel Romero
26 Rodriguinho
25 Clayson (Maycon)
07 Jô (Danilo)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Diego Cavalieri
02 Lucas
40 Reginaldo
33 Henrique Buss
15 Léo
23 Marlon Freitas (Pedro)
37 Wendel
20 Júnior Sornoza (Matheus Alessandro)
10 Gustavo Scarpa
35 Marcos Júnior (Peu)
09 Henrique Dourado
Coach: Fábio Carille Coach: Abel Braga
02
08
10
12
14
17
18
20
21
22
30
31
Léo Príncipe
Cássio Ramos (gk)
Maycon, aos 39’/2º
Jádson, no Intervalo
Léo Santos
Giovanni Augusto
Kazim Richards
Danilo, aos 48’/2º
Felipe Ramon
Marciel
Filipe
Marquinhos
05
07
18
22
27
28
32
42
44
Pierre
Marquinho
Jefferson Orejuela
Júlio César (gk)
Peu, aos 28’/2º
Matheus Alessandro, aos 20’/2º
Pedro, aos 34’/2º
Diogo Pereira
Nogueira
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 3 x 0 3 x 1
• Com esse resultado o Corinthians sagrou-se campeão brasileiro pela sétima vez;
• Com a conquista o Corinthians garantiu uma vaga na Copa Libertadores da América de 2018;
• O Corinthians garantiu o título com três rodadas para o término do brasileirão;
• Corinthians: Camiza Branca, Calção Preto e Meias Brancas (Nike);
• Fluminense: Camisa Tricolor, Calção Azul e Meias Brancas;

Crônica do Jogo

O Corinthians passou a propagar que nada “nunca foi fácil” quando enfrentou um período de instabilidade no Campeonato Brasileiro, mas a sua sétima conquista do torneio não chegou a ser difícil. Sem ter a liderança ameaçada em nenhum momento sequer do seu irregular segundo turno, o time paulista derrotou o Fluminense por 3 a 1 na noite desta quarta-feira, em Itaquera, para assegurar o troféu.

O jogo decisivo até teve ares de sofrimento. O Corinthians levou um gol de cabeça do zagueiro Henrique – novamente, de escanteio, problema crônico do time dirigido por Fábio Carille – logo no princípio do primeiro tempo. Com menos de quatro minutos da etapa complementar, porém, o centroavante Jô já havia anotado duas vezes para os donos da casa, na primeira virada corintiana no campeonato. Jadson fechou o marcador.

Os gols deixaram Jô à frente de Henrique Dourado, do próprio Fluminense, na relação de artilheiros do Brasileiro (18 a 17) – o Corinthians jamais fez um goleador da competição. Na tabela de classificação, o inalcançável heptacampeão agora computa 71 pontos ganhos, contra 61 do Grêmio, que havia derrotado o São Paulo por 1 a 0 mais cedo, em Porto Alegre.

Com a vitória, os jogadores do Corinthians serão os primeiros da história a vestir faixas de heptacampeão brasileiro. Explica-se: o Santos e o Palmeiras, que se orgulham de somar oito e nove troféus nacionais, eram considerados bi e tetracampeões, respectivamente, antes da unificação de títulos promovida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no final de 2010.

Mas o Campeonato Brasileiro ainda não acabou. O Corinthians visitará o Flamengo no domingo, na Ilha do Governador, e receberá o seu merecido troféu em 26 de novembro, diante do Atlético-MG, em Itaquera. Já o Fluminense, com os seus 43 pontos ganhos, jogará contra a Ponte Preta, ameaçada de rebaixamento, na segunda-feira, no Maracanã.

O jogo – O público corintiano presente em Itaquera ainda entoava os nomes dos jogadores escalados por Fábio Carille, fato raro, quando o Fluminense teve a sua primeira chance de abrir o placar. Apenas um e outro torcedores se deram ao trabalho de brandir as mãos e braços esticados, em gesto corriqueiro para afastar o azar, quando Marcos Júnior se apresentou para a cobrança de escanteio. Henrique, no entanto, surpreendeu também o jovem goleiro Caíque, que hesitou em bola alçada na pequena área, e cabeceou para dentro.

“Não para de lutar!”, rebateu boa parte da torcida do Corinthians, de imediato, no final da gritaria que sucedeu o gol do Fluminense. O intuito era empurrar o líder do Campeonato Brasileiro, ainda sem ter nem sequer uma virada de placar na competição, em direção ao feito inédito justamente no dia em que tinha a possibilidade de sacramentar a conquista.

O Corinthians, no entanto, mostrava dificuldades para encontrar os rumos da vitória. Teimava que seriam pelo lado direito do campo, onde estava o esforçado Romero, já que quase não acionava o apagado Clayson na esquerda. Pelo meio, Rodriguinho parecia reviver as atuações sem brilho de boa parte de sua campanha no returno.

Foi justamente pela direita, com Romero, que o Corinthians criou a sua melhor oportunidade de empatar a partida no primeiro tempo. O paraguaio passou a bola para Fagner, que fez o cruzamento rasteiro já dentro da área. Jô se esticou para completar a jogada na segunda trave, mas não alcançou.

Ainda era pouco, contudo, para uma equipe que almejava ser campeã brasileira com três rodadas de antecedência para o final do campeonato. Fábio Carille sabia disso. No intervalo, o técnico trocou o volante Camacho pelo meia Jadson e lançou o Corinthians ao ataque. Não demorou a ser recompensado.

Logo no primeiro minuto, Jô mudou a direção do Corinthians ao passar a bola para Clayson na esquerda. O centroavante correu em direção ao gol para ele mesmo aproveitar o cruzamento do seu companheiro. Cabeceou no canto e igualou o marcador. “Chupa! Chupa!”, celebrou o ídolo Basílio, que comentava a partida em Itaquera para uma rádio da capital.

Dois minutos se passaram, e Caíque chutou a bola para a frente. Jô desviou e encontrou Clayson outra vez. Depois de o atacante chutar no travessão, o goleador do Campeonato Brasileiro demonstrou oportunismo para tirar proveito do rebote e, de cabeça, colocar a bola na rede. (Fonte: Gazeta Esportiva)

A torcida do Corinthians já não se contentava em berrar “gol”. Alguns queriam repetir o que fizeram diante do Avaí, na rodada passada, e louvar o “campeão”. Outros, porém, pretendiam incluir um velho conhecido na festa alvinegra. “Danilo! Danilo! Danilo!”, passaram a fazer coro, pedindo a entrada do veterano, bicampeão brasileiro como corintiano.

Carille preferiu esperar para mexer no Corinthians novamente. Afinal, o seu time tinha a segurança dos tempos em que espantava o Brasil ao passar um turno inteiro invicto. O colega Abel Braga, ao contrário, entrou em ação. Substituiu Sornoza, Marcos Junior e Marlon Freitas por Matheus Alessandro, Peu e Pedro e viu o Fluminense ganhar posse de bola, mas não efetividade.

O Corinthians esteve mais próximo do gol. Aos 37 minutos, Jadson bateu colocado e acertou a trave. Aos 39, depois que Maycon ocupou a vaga de Clayson, o antes contestado armador não errou o alvo. Recebeu a bola e finalizou cruzado para acertar o canto e incendiar Itaquera. Quase literalmente.

Com os proibidos sinalizadores, a torcida do Corinthians iniciou uma bela festa em seu estádio. Fogos eram ouvidos do lado de fora do estádio. Basílio, o ídolo que havia gritado “chupa”, chegou a deixar a cabine de imprensa momentaneamente. “É campeão! É campeão! É campeão!”, escutava-se onde ele estava. No gramado, o consagrado Danilo enfim entrou no lugar de Jô, aos 48 minutos, para sacramentar a festa na Zona Leste como capitão.


.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol aqui.
All the matches of the Brazilian National Team hear;
www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com
Anúncios

Flamengo Campeão Carioca de 2017

O capitão Réver ergue a taça de campeão carioca para o Flamengo;
Credit: www.gazetaesportiva.com/André-Fabiano
Ficha Tecnica
Flamengo 2 x 1 Fluminense
Final do Campeonato Carioca 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Campeonato Carioca 2017 – Final – 2º Jogo
• Data (Date): Domingo, 7 de Maio de 2017, as 16:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Jornalista Mário Filho “Maracanã”, Rio de Janeiro/RJ
• Público (Attendance): 58.399 pagantes (Total: 68.165) – Renda: R$ 3.242.130,00
• Árbitro (Referee): Wágner do Nascimento Magalhães/RJ (FIFA)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Luiz Claudio Regazzone/RJ
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Michael Coorêa/RJ
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Jackson Lourenço Massarra Santos/RJ
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Pará, aos 38’/1º Wellington Silva, aos 27’/1º
Márcio Araújo, aos 48’/2º Henrique Dourado, aos 43’/1º
Rodinei, aos 50’/2º Lucas, aos 37’/2º
Léo, aos 45’/2º
Diego Cavalieri, aos 47’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-1 Paolo Guerrero, aos 39’/2º 1-0 Henrique Douradao (cab), aos 3’/1º
2-1 Rodnei, aos 50’/2º
Clube de Regatas do Flamengo Fluminense Football Club
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
38 Alex Muralha
21 Pará
15 Rever
33 Rafael Vaz
06 Renê
08 Márcio Araújo
05 Willian Arão
13 Miguel Trauco (Rodnei)
22 Éverton (Juan)
28 Orlando Berrío (Gabriel)
09 Paolo Guerrero
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
At
At
At
12 Diego Cavalieri [Expulso]
02 Lucas
04 Renato Chaves
33 Henrique
15 Léo
18 Jefferson Orejuela
37 Wendel (Marcos Júnior)
20 Junior Sornoza
11 Wellington Silva (Maaranhão)
70 Richarlison (Pedro)
09 Henrique Dourado
Coach: Zé Ricardo Coach: Abel Braga
02
04
17
18
26
42
44
Rodnei, aos 16’/2º
Juan Silveira, aos 42’/2º
Gabriel, aos 11’/2º
Leandro Damião
Guastavo Cuéllar
Matheus Sávio
Thiago (gk)
07
16
22
25
32
35
44
Marquinho
Reanato
Júlio César (gk)
Maranhão, aos 17’/2º
Pedro, aos 41’/2º
Marcos Júnior, aos 42’/2º
Nogueira
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 2 x 0 2 x 1
• Com esse resultado o Flamengo sagrou-se campeão (invícto) estadual pela 34ª vez;
• O Flamengo jogava pelo empate pois havia vencido o primeiro jogo por 1 x 0;
• Após a expulsão do goleiro Diego Cavalieri o meio campo Orejuela foi para o Gol;
• Flamengo: Camisa Rubro-Negro, Calção Branco e Meias Rubro-Negras (Adidas);
• Fluminense: Camisa Tricolor, Calção Grená e Meias Brancas;
• Ficha do Primeiro Jogo: www.fichadojogo.wordpress.com/fluminense-0-x-1-flamengo
• Clube de Regatas do Flamengo, 17 de Novembro de 1895, Rio de Janeiro/RJ: Web Site
• Fluminense Football Club, 21 de Julho de 1902, Rio de Janeiro/RJ: Web Site (click hear to acces)
• Galeria de Imagens da Conquista Rubro-Negra: www.gazetapress.com/galeria-de-fotos
• Ajude a manter o site clicando nos links (Help us. Clik in the links);

.:: Galeria de Imagens ::.
Clube de Regatas do Flamengo, trinta e quatro vezes campeão carioca;
Em pé: Orlando Berrío, Gabriel, Juan, Leandro Damião, Rafael Vaz, Paolo Guerrero, Willian Arão, Thiago, Réver e Alex Muralha; Agachados: Miguel Trauco, Matheus Sávio, Gustavo Cuellar, Márcio Araújo, Renê, Rodinei, Pará e Éverton;
Credit: esporte.uol.com.br/baixe-o-poster-do-flamengo/aqui
Fluminense Football Club, vice campeão estadual;
Fora de Ordem: Diego Cavalieri, Lucas, Renato Chaves, Henrique, Léo, o equatoriano Jefferson Orejuela, Wendel, Marcos Júnior, equatoriano Junior Sornoza, Wellington Silva, Maranhão, Richarlison, Pedro, Henrique Dourado, Pierre, Marquinho, Renato, Júlio Cesar, Reginaldo e Nogueira;
www.gazetapress.com/Trindade/FramePhoto/Gazeta Press
O peruano Paolo Guerrero foi o artilheiro do compeonato carioca com 10 gols;
www.gazetapress.com/Trindade/FramePhoto/Gazeta Press
O técnico Zé Ricardo conquistou seu primero título no comando do Flamengo;
www.gazetapress.com/Trindade/FramePhoto/Gazeta Press

.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol aqui.
All the matches of the Brazilian National Team hear;
www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Ficha Técnica: Fluminense 0 x 1 Flamengo

Paolo Guerrero disputa jogada com Henrique na vitória do Fla na primeira final;
Credit: www.lance.com.br/Gilvan-de-Souza
Ficha Tecnica
Fluminense 0 x 1 Flamengo
Final do Campeonato Carioca 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Campeonato Carioca 2017 – Final – 1º Jogo
• Data (Date): Domingo, 30 de Abril de 2017, as 16:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Jornalista Mário Filho “Maracanã”, Rio de Janeiro/RJ
• Público (Attendance): 34.926 pagantes (Total: 40.898) – Renda: R$ 1.660.605,00
• Árbitro (Referee): João Batista de Arruda (RJ)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Rodrigo Henrique Corrêa (RJ)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Wagner de Almeida Santos (RJ)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Sem Registro (No Registry)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Henrique, aos 24’/1º Márcio Araújo, aos 26’/1º
Léo, aos 39’/1º Miguel Trauco, aos 38’/2º
Júnior Sornoza, aos 45’/1º Federico Mancuello, aos 13’/2º
Alex Muralha, aos 46’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Éverton, aos 33’/1º
Fluminense Football Club Clube de Regatas do Flamengo
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Diego Cavalieri
02 Lucas
04 Renato Chaves
33 Henrique
15 Léo
18 Jefferson Orejuela
37 Wendel (Douglas)
20 Junior Sornoza
11 Wellington Silva (Marcos Junior)
70 Richarlison (Pedro)
09 Henrique Dourado
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
38 Alex Muralha
21 Pará
15 Rever
33 Rafael Vaz
13 Miguel Trauco
08 Márcio Araújo
27 Rômulo (Mancuello)
05 Willian Arão
28 Orlando Berrío (Matheus Sávio)
22 Everton
09 Paolo Guerrero (Leandro Damião)
Coach: Abel Braga Coach: Zé Ricardo
07
08
16
22
32
35
44
Marquinho
Douglas, aos 27’/2º
Renato
Júlio César (gk)
Pedro, aos 36’/2º
Marcos Júnior, aos 28’/2º
Ygor Nogueira
06
11
17
18
42
43
44
Renê
Federico Mancuello, aos 17’/1º
Gabriel
Leandro Damião, aos 33’/2º
Matheus Sávio, aos 41’/2º
Léo Duarte
Thiago (gk)
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 0 x 0 0 x 1
• Com esse resultado o Flamengo joga por um empate, no próximo jogo, para ser campeão;
• Flamengo: Camisa Rubro-Negro, Calção Preto e Meias Rubro-Negras (Adidas);
• Fluminense: Camisa Tricolor, Calção Branco e Meias Brancas;
• Clube de Regatas do Flamengo, 17 de Novembro de 1895, Rio de Janeiro/RJ: Web Site
• Fluminense Football Club, 21 de Julho de 1902, Rio de Janeiro/RJ: Web Site (click hear to acces)
• Baixe a Súmula do Jogo em PDF: www.fferj.com.br/Federação-Carioca-de-Futebol
• Ajude a manter o site clicando nos links (Help us. Clik in the links);

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Fluminense Campeão da Primeira Liga de 2016

Jogadores do Fluminense comemoram a conquista da Primeira Liga;
Crédito: www.tagthebird.com
Ficha Tecnica
Fluminense 1 x 0 Atlético/PR
Final da Primeira Liga de 2016
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Primeira Liga de 2016 – Final – Jogo Único
• Data (Date): Quarta-Feira, 20 de Abril de 2016, as 21:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Municipal Radialista Mário Helênio, Juiz de Fora/MG
• Público (Attendance): 23.985 pagantes – Renda: R$ 553.785,00
• Árbitro (Referee): Sandro Meira Ricci/SC (FIFA)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Rafael da Silva Alves/RS
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Helton Nunes/SC
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Gabriel Murta Barbosa Maciel
• Advertências (Cautions): Jádson 14′, Pierre 51′ e Marcos Júnior 90’+1
• Expulsão (Sent Off): Nenhuma (None)
• Gols (Goals): 1-0 Marcos Júnios, aos 35′ minutos do 2º tempo
Fluminense Football Club Clube Atlético Parabaense
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Diego Cavalieri
06 Giovanni (Douglas)
03 Gum
33 Henrique
25 Wellington Silva
05 Pierre
07 Cícero ©
11 Gérson (Edson)
40 Gustavo Scarpa
17 Osvaldo (Marcos Junior)
20 Magno Alves
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Wéverton ©
02 Eduardo
13 Paulo André
44 Thiago Heleno
08 Sidcley
07 Otávio (Deivid)
39 Jadson (André Lima)
29 Vinícius (Pablo)
11 Nikão
10 Marcos Guilherme
18 Walter
Coach: Levir Culpi Coach: Paulo Autuori
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Júlio César
16 Léo
04 Marlon
44 Nogueira
31 Renato Chaves
08 Édson, aos 20’/2º
27 Douglas, aos 31’/2º
30 Eduardo
15 Higor Leite
23 Felipe Amorim
35 Marcos Júnior, aos 20’/2º
19 Richarlison
Go
Df
Df
Mc
Mc
At
At
At
At
At
01 Santos
03 Christián Vilches
42 Pará
05 Deivid, aos 33’/2º
23 Hernani
92 Pablo Felipe, aos 29’/2º
32 Giovanny
88 Crysan
96 Ewandro
99 André Lima, aos 39’/2º
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
0 x 0 1 x 0 1 x 0
# Com esse resultado o Fluminense sagrpu-se campeão da Primeira Liga;
# Fluminense e Atlético usam uma numeração fixa para seus jogadores;
# Fluminense: Camisa Tricolor, Calção Branco e Meias Brancas;
# Atlético: Camisa Branca, Calção Preto e Meias Pretas;
# A primeira edição da Primeira Liga do Brasil (Copa Sul-Minas-Rio) é um torneio realizado entre os clubes de Minas Gerais, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná e Rio de Janeiro entre 27 de janeiro e 20 de abril de 2016, autorizada pela CBF. (Fonte: wikipedia.org)

.:: Galeria de Imagens ::.
Fluminense Football Club campeão da Primeira Liga de 2016;
Crédito: www.lance.com.br/Paulo-Sérgio/LANCE!Press
Clube Atlético Paranaense vice campeão da Primeira Liga de 2016;
Crédito: www.futnet.com.br/Paulo-Sérgio/LANCE!Press

Como foi o Jogo

O Fluminense é o primeiro campeão da história da Primeira Liga. Na final da edição inaugural da competição organizada pelos clubes da antiga Liga Sul-Minas com a adesão de duas equipes do Rio de Janeiro, o Tricolor das Laranjeiras bateu o Atlético Paranaense por 1 a 0 na final disputada no estádio Radialista Mario Helênio, em Juiz de Fora e levantou a taça inédita. O gol do título foi anotado por Marcos Júnior, aos 35′ minutos, que entrou no segundo tempo no lugar de Osvaldo para decidir.

Para quem podia imaginar ainda um campo neutro, a presença a maciça de torcedores do Fluminense, que ainda entravam no estádio com a bola rolando, derrubava qualquer dúvida sobre quem era o mandante. Mas, quem mostrou o cartão de visitas primeiro foi o Furacão, com Walter, que aos dois minutos experimentou o chute de longe, nas mãos de Diego Cavalieri. Os cariocas, entretanto, logo acordaram. Aos oito minutos, Osvaldo apareceu em velocidade, foi travado e ficou no chão pedindo penalidade, não marcada.

A primeira chance real mesmo veio aos nove minutos, com Cícero cabeceando na área e Gérson desviando para grande defesa de Weverton. Walter tentava se movimentar e abrir espaço para quem vinha de trás no lado rubro-negro e, aso 12 minutos, tabelou com Marcos Guilherme, que na sequência arrematou por cima da meta. Pressão tricolor aos 17 minutos, com bate-rebate na área atleticana e Paulo André afastando para salvar.

O Fluminense tinha mais volume de jogo e, aos 25 minutos, Osvaldo entrou pela direita e cruzou para Wellington Silva, que se esticou todo e não conseguiu completar para as redes. Um minuto depois, o próprio Osvaldo tentou a finalização, com uma bicicleta desequilibrada que Weverton afastou da área rapidamente. O troco veio aos 31 minutos, em chute rasteiro de Eduardo que chegou a tirar uma casquinha do poste.

Depois de equilibrar as ações foi a vez do Atlético passar a pressionar. Aos 36 minutos, Walter recebeu de frente para a área, abriu espaço e soltou o pé por cima do gol. Mais próximo chegou Vinícius, aos 38 minutos, pegando sobra de bola e mandando o petardo no travessão. Desorganizados, os cariocas seguraram o empate até o intervalo para tentar modificar o panorama.

Para a etapa final, nenhuma mudança em campo e, do lado de fora, a torcida do Fluminense ainda chegando. Aos seis minutos, Scarpa lançou para Magno Alves, que invadiu a área, passou pelo goleiro, mas errou no momento de dar o último passe, facilitando a recuperação da defesa atleticana. Saída errada do Rubro-Negro, aos oito minutos, a bola sobrou para Scarpa, mas Weverton deixou a meta para fazer a defesa.

Como a conversa no intervalo não surtiu efeito, o técnico Levir Culpi promoveu duas mudanças de uma só vez, com as entradas de Edson e Marcos Junior nos lugares de Gerson e Osvaldo. Aos 23 minutos, Marcos Junior recebeu seu primeiro lançamento, mas a bola fugiu de seus pés. Sem brilha esta vez, Vinicius foi substituído aos 29 minutos para a entrada de Pablo no Atlético.

O ritmo não era o mesmo na etapa final e passado os 30 minutos as equipes já se preocupavam em não tomar gols, já que o empate pelo menos levava a partida para a cobrança das penalidades. Mas, aos 35 minutos, em contra-ataque mortal, Marcos Junior colocou velocidade, saiu da marcação e tocou na saída do goleio para abrir o placar. O Furacão partiu para o desespero com a entrada do atacante André Lima no lugar do volante Jadson, mas não foi possível reverter. Flu primeiro campeão e Furacão amargando um jejum iniciado em 2009.

# Reportagem: www.gazetaesportiva.com


.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Vasco Campeão da Taça Guanabara de 2016

.:: Taça Guanabara 2016 ::.
Riascos marca o gol da vitótia e do título da Taça Guanabara;
Crédito: vasconoticias.com.br
Ficha Tecnica
Fluminense 0 x 1 Vasco
Campeonato Carioca 2016 Taça Guanabara
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Campeonato Carioca 2016 – Taça Guanabara – 7ª Rodada
• Data (Date): Domingo, 17 de Abril de 2016, as 16:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Vivaldo Lima “Arena da Amazônia”, em Manaus/AM
• Público (Attendance): 28.191 pagantes (Total: 32.061) – Renda: R$ 2.214.040,00
• Árbitro (Referee): João Batista de Arruda/RJ
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Jackson Lourenço Massarra dos Santos/RJ
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Diego Luiz Couto Barcelos/RJ
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Diego da Silva Lourenço/RJ
• Advertências (Cautions): Jorge Henrique 1′, Douglas 23′, Marcelo Matos 49′, Fred 51′, Renato Chaves 52′, Riascos 59′, Édson Felipe 68′ e Gérson 90’+3
• Expulsão (Sent Off): Marcelo Mattos e Édson, ambos, aos 20′ minutos do 2º tempo
Gols | Goals Gols | Goals
1-0 Riascos, aos 20’/2º
Fluminense Football Club Clube de Regatas Vasco da Gama
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
12 Diego Cavalieri
25 Wellington Silva
31 Renato Chaves (Ygor Nogueira)
04 Marlon Santos
06 Giovanni
08 Édson Felipe
27 Douglas
11 Gerson
35 Marcos Junior (Higor Leite)
17 Osvaldo
09 Fred © (Magno Alves)
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Martín Silva
02 Madson
04 Luan (Rafael Vaz)
03 Rodrigo ©
06 Henrique
05 Marcelo Mattos
08 Julio dos Santos (Eder Luis)
07 Andrezinho
10 Nenê
11 Jorge Henrique
09 Duvier Riascos
Coach: Levir Culp Coach: Jorginho Amorim
15
20
22
23
29
30
44
Higor Leite, aos 17’/2º
Magno Alves, aos 17’/2º
Júlio César (gk)
Felipe Amorim
Marlon Freitas
Eduardo
Ygor Nogueira, aos 30’/2º
12
13
14
15
16
17
18
Jordi (gk)
Yago Picachu
Rafael Vaz, aos 33’/1º
Diguinho, aos 35’/2º
Evander
Éder Luis, aos 12’/2º
Thalles
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
0 x 1 2 x 0 2 x 1

# Súmula da Partida: Federação-Carioca-de-Futebol- Ferj/súmula.pdf

.:: Galeria de Imagens ::.
O capitão Rodrigo ergue o troféu de campeão da Taça Guanabara;
Crédito: oglobo.globo.com/Carlos-Gregório-Jr/Vasco.com.br
Nenê com a o troféu de campeão da Taça Guanabara;
Crédito: vasconoticias.com.br
Jogadores do vasco comemoram a conquista da Taça Guanabara;
Crédito: vasconoticias.com.br

.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Fla-Flu Termina Empatado no Pacaembu

Em jogo tecnicamente fravo Flamengo e Fluminense empatam jogando no Pacaembu;
Crédito: esportes.terra.com.br/Marcello-Zambrana/Agif/Gazeta-Press
Ficha Tecnica
Flamengo 0 x 0 Fluminense
Campeonato Carioca de 2013
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Campeonato Carioca 2016 – Taça Guanabara – 2ª Rodada
• Data (Date): Domingo, 20 de Março de 2013, as 16:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Paulo Machado de Carvalho “Pacaembu”, em São Paulo/SP
• Público (Attendance): 28.727 pagantes (Total: 30.188) – REnda: R$ 1.374.375,00
• Árbitro (Referee): Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Silbert Faria Sisquim (RJ)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Michael Correia (RJ)
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Leandro de Lima e Silva (RJ)
• Advertências (Cautions): Juan 3′, Rodinei 60′, Pierre 60′, Diego Souza 67′ e Gum 78′
• Expulsão (Sent Off): Nenhuma (None)
Clube de Regatas Flamengo Fluminens Football Club
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
48 Paulo Victor
02 Rodinei
14 Wallace
04 Juan Silveira
06 Jorge
26 Gustavo Cuéllar
05 Willian Arão
10 Ederson (Alan Patrick)
07 Marcelo Cirino (Gabriel)
11 Emerson Sheik
09 Paolo Guerrero
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Diego Cavalieri
02 Jonathan
03 Gum
33 Henrique
25 Wellington Silva
05 Pierre
07 Cícero
11 Gerson
10 Diego Souza (Marcos Júnior)
40 Gustavo Scarpa (Magno Alves)
09 Fred (Osvaldo)
Coach: Muricy Ramalho Coach: Levir Culpi
03
08
17
19
30
38
47
César Martins
Márcio Araújo
Gabriel, aos 30’/2º
Alan Patrick, aos 23’/2º
Chiquinho
Alex MUralha (gk)
Felipe Vizeu
04
06
17
20
22
27
35
Marlon Santos
Giovanni
Osvaldo, aps 11’/2º
Magno Alves, aos 40’/2º
Júlio César (gk)
Douglas
Marcos Júnior, aos 22’/2º
Observações
# Flamengo e Fluminense usam uma numeração fixa para seus jogadores;
# Flamengo: Camisa Rubro-Negra, Calção Branco e Meias Rubro-Negras (Adidas);
# Fluminense: Camisa Branca, Calção Grená e Meias Brancas;
# Links Externos (External Links): www.soccerway.com/matches/2013
# Links Externos (External Links): www.globoesporte.globo.com/fla-flu-no-pacaembu
# Súmula da FERJ: www.fferj.com.br/Campeonatos/súmula.pdf
# Todos os Jogos da Seleção Brasileira: jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
0 x 0 0 x 0 0 x 0

.:: Galeria de Imagens ::.
Imagens do Pacaembu lotado para o clássico carioca;
Crédito: www.fimdejogo.com.br
Imagens do Pacaembu lotado para o clássico carioca;
Crédito: www.fimdejogo.com.br

.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Fluminense e Botafogo Empatam no Raulino Oliveira

Fluminense e Botafogo empatam clássico no Raulino Oliveira;
Crédito: www.gazetaesportiva.com/
Ficha Tecnica
Fluminense 1 x 1 Botafogo
Campeonato Carioca 2016 – Taça Guanabara
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Campeonato Carioca 2016 – Taça Guanabara – 1ª Rodada
• Data (Date): Domingo, 13 de março de 2016, as 18:30 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): General Sílvio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda/RJ
• Público (Attendance): 5.390 pagantes (Total: 4.778) – Renda: R$ 106.560,00
• Árbitro (Referee): Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Eduardo de Souza Couto (RJ)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Paulo Renato Moreira da Silva Coelho (RJ)
• Advertências (Cautions): Renato Chaves 18′, Joel Carli 46′, Marlon 68′, Airton 72′, Bruno Silva 75′ e Giovanni 79′
• Expulsão (Sent Off): Benhuma (None)
Gols | Goals Gols | Goals
1-0 Gum (cabeça), aos 47’/2º 1-0 Ribamar, aos 3’/2º
Fluminense Football Club Botafogo de Futebol e Regatas
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Diego Cavalieri
25 Wellington Silva
31 Renato Chaves (Gum)
04 Marlon
06 Giovanni
08 Edson (Felipe Amorim)
07 Cícero
40 Gustavo Scarpa
10 Diego Souza (Gerson)
17 Osvaldo
35 Marcos Júnior
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Jefferson
04 Luis Ricardo
03 Joel Carli
02 Emerson
06 Diogo Barbosa
08 Airton
11 Bruno Silva (Fernandes)
05 Rodrigo Lindoso
07 Gegê
10 Juan Salgueiro (Neilton)
09 Ribamar
Coach: Levir Culpi Coach: Ricardo Gomes
02
03
11
16
22
23
27
Jonathan
Gum, aos 9’/2º
Gérson, aos 9’/2º
Léo
Júlio César (gk)
Felipe Amorim, aos 26’/2º
Douglas
12
13
14
15
16
17
18
Hélton Leite (gk)
Diego
Renan Fonseca
Fernandes, aos 44’/2º
Damián Lízio
Neilton, aos 17’/2º
Luis Henrique
Observações
# Primeiro clássico da Segunda Fase do campeonato Carioca, Taça Guanabara;
# Os estádios Engenhão e Maracanã estão fechados para os Jogos Olímpicos;
# Fluminense: Camisa Tricolor, Calção Branco e Meias Brancas (Adidas);
# Botafogo: Camisa Preta, Calção Preto e Meias Pretas (Puma);
# Links Externos (External Links): www.soccerway.com/matches
# Links Externos (External Links): www.fferj.com.br/Campeonatos/sumulas
# Todos os Jogos da Seleção Brasileira: jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
0 x 0 1 x 1 1 x 1

Confira Como foi o Jogo

No primeiro clássico da Taça Guanabara, Fluminense e Botafogo ficaram no empate por 1 a 1, neste domingo, em Volta Redonda. Os alvinegros venciam até os acréscimos, quando viram os tricolores chegarem ao gol. Com o resultado, ambos começam a segunda fase do Campeonato Carioca com um ponto, atrás de Vasco, Flamengo e Boavista.

Após um primeiro tempo sem muita emoção, o Botafogo voltou melhor na etapa final e marcou logo nos primeiros minutos. Gegê pegou rebote e chutou para o gol, a bola bateu em Ribamar e enganou Diego Cavalieri. O empate do Fluminense veio nos acréscimos, com Gum, para dar números finais ao clássico.

Na próxima rodada, o Botafogo terá pela frente o Madureira, no domingo, em Xerém. No mesmo dia, o Fluminense vai disputar mais um clássico. Desta vez, os tricolores vão reencontrar o Flamengo, no Pacaembu, em São Paulo.

O jogo – O clássico sofreu um atraso, já que o árbitro fez o goleiro Jéfferson trocar de uniforme, pois o que ele usava parecia com o jogadores linha alvinegros. Após o apito inicial, as duas equipes mostraram muita disposição, mas pouca objetividade. Tanto que a primeira oportunidade aconteceu aos nove minutos, em chute de Ribamar que foi para fora.

A primeira real chance de gol também foi do Botafogo, aos 15 minutos. O volante Airton chutou da entrada da área a a bola passou próximo ao travessão de Diego Cavalieri. O Fluminense tinha mais posse de bola, mas não conseguia criar boas jogadas. Assim, os tricolores não incomodavam o goleiro Jéfferson.

Depois da parada técnica, o Botafogo melhorou e passou a ter o controle da partida. O Fluminense pecava nos passes, mas via os alvinegros desperdiçarem as boas jogadas. Assim, o clássico foi para o intervalo com o placar inalterado.

No segundo tempo, o Botafogo fez o que não conseguiu na etapa inicial: aproveitar os erros do Fluminense. Os alvinegros usufruíram de erro de passe para avançar em contra-ataque. A bola chegou para Airton cruzar pela direita, Wellington Silva cortou, mas sobrou em Gegê. O meia acertou chute de primeira, a bola bateu em Ribamar e enganou o goleiro Diego Cavalieri. O árbitro da partida confirmou o gol para o jovem atacante.

Após o revés, o Fluminense foi obrigado a se lançar ao ataque, mas continuava com os problemas na parte ofensiva. O Botafogo era mais organizado em campo, só que se preocupava mais com a marcação.

Somente após a parada técnica, o clássico voltou a ficar movimentado. O Botafogo aproveitou o nervosismo do Fluminense para chegar com perigo. Aos 25 minutos, Emerson acertou o travessão em cobrança de falta. Dois minutos depois, o zagueiro tentou surpreender Diego Cavalieri, que estava adiantado, ao chutar de antes do meio campo. No entanto, a bola passou por cima do travessão.

Na parte final da partida, os alvinegros viram o Fluminense pressionar em busca do empate. Os tricolores chegaram a criar boa chance aos 38 minutos, quando Cícero finalizou com perigo. No entanto, os tricolores só conseguiram a igualdade nos acréscimos, com Gum, de cabeça, após cobrança da escanteio. (Fonte: gazetaesportiva.com)


.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

%d blogueiros gostam disto: