Archive for the ‘Brasil na Libertadores’ Category

Grêmio Campeão da Copa Libertadores da América de 2017

Jogadores do Grêmio comemoram a conquista do tricampeonato da Libertadores;
Crédito: www.gettyimages.com/Marcelo-Endelli
Ficha Tecnica
Lanús 1 x 2 Grêmio
Final da Copa Libertadores da América 2017
Ficha Técnica









Competição (Tournament): Copa Libertadores da América 2017 – Final – 2º Jogo
Data (Date): Quarta-Feira, 29 de Novembro de 2017, 21:45 h (de Brasília) 20:45 Local
Estádio (Stadium): Néstor Díaz Pérez “La Fortaleza“, Lanús (Argentina)
Público (Attendance): 45.000 pagantes – Renda: Sem Registro
Árbitro (Referee): Enrique Cáceres Villlafane (Paraguai / Paraguay)
Assistente 1 (Assistant Referee 1): Eduardo Cardozo (Paraguai / Paraguay)
Assistente 2 (Assistant Referee 2): Juan Zorrilla (Paraguai / Paraguay)
Quarto Árbitro (Fourth Official): Éber Aquino (Paraguai / Paraguay)
Assistente de Vídeo 1 (Video Assistant 1): Mario Díaz de Vivar (Paraguai / Paraguay)
Assistente de Vídeo 2 (Video Assistant 2): Milcíades Saldívar (Paraguai / Paraguay)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
5′ Rolando García 25′ Edilson
20′ Maximiliano Velázquez 70′ Bruno Cortez
70′ Alejandro Silva 70′ Jailson
82′ Ramiro
90′ Marcelo Grohe
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-2 Sand, aos 26’/2º (Pênalti) 1-0 Fernandinho, aos 27’/1º
2-0 Luan, aos 4’/1º
Club Atletico Lanús Grêmio Foot-Ball Porto-Alegrense
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
At
At
At
28 Esteban Andrada
04 José Luis Gómez
23 Rolando García Guerreño
02 Marcelo Herera (Moreno, 65′)
03 Maximiliano Velázquez (Denis, 87′)
10 Román Martínez
30 Iván Marcone
21 Nicolás Pasquini
16 Alejandro Silva (Rojas, 77′)
09 José Sand
07 Lautaro Acosta
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Marcelo Grohe
02 Edílson
03 Pedro Geromel
22 Bressan (Thyere, 81′)
12 Bruno Cortez
25 Jailson
29 Arthur (Michel, 51′)
17 Ramiro [Expulso, 82′]
21 Fernandinho
07 Luan
18 Lucas Barrios (Cícero, 75′)
Coach: Jorge Almirón Coach: Renato Gaúcho
Go
Df
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Fernando Monetti
22 Santiago Zurbriggen
14 Matías Rojas, aos 32’/2º
19 Nicolás Aguirre
24 Leandro Maciel
17 Germán Denis, aos 42’/2º
25 Marcelino Moreno, aos 20’/2º
Go
Df
Df
Mc
Mc
At
At
24 Paulo Victor
15 Rafael Thyere, aos 36’/2º
16 Léo Moura
05 Michel, aos 6’/2º
27 Cícero, aos 30’/2º
09 Jael
11 Éverton
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 2 1 x 0 1 x 2
• Com esse resultado o Grêmio sagrou-se campeão da LIbertadores pela 3ª vez;
• Com essa conquista o Grêmio garantiu vaga no Mundial de Clubes da Fifa em Dezembro;
• Renato Gaúcho tornou-se bicampeão. Campeão em 1983 como jogador e agora como técnico;
• Esta foi a primeira vez que o Árbitro de Vídeo foi utilidado numa final de Libertadores;
• Lanús: Camiza Grená, Calção Grená e Meias Grenás (Macron);
• Grêmio: Camisa Tricolor, Calção Branco e Meias Brancas (Umbro);
• Jogo Anterior: 22/11 – Grêmio 1 x 0 Lanús, Arena do Grêmio, Porto Alegre (Ficha do Jogo)

.:: Galeria de Imagens ::.
Jogadores do Grêmio comemoram a conquista do tricampeonato da Libertadores;
Crédito: www.gettyimages.com/Marcelo-Endelli
Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense. Fundado em 15 de Setembro de 1903, em Porto Alegre/RS;
Crédito: www.gettyimages.com/Demian-Alday
Club Atlético Lanús, fundado em 3 de janeiro de 1915, em Lanús, Argentina;
Crédito: www.gettyimages.com/Demian-Alday
Jogadores do Grêmio exibem suas conquistas individuais na Libertadores;
Crédito: www.gettyimages.com/Marcelo-Endeli

Crônica do Jogo

No dialeto gaúcho, o prefixo tri é utilizado para enfatizar ou aumentar algo, e, nesta quarta-feira, o Grêmio ficou tri em toda América. Trilegal, trivencedor, tricampeão da Libertadores.

O clube gaúcho voltou a conquistar o torneio continental depois de 22 anos de espera. O título veio após a vitória por 2 a 1 contra o Lanús, no estádio La Fortaleza, na Argentina. Os gols da partida foram marcados por Fernandinho e Luan, para o Grêmio, e por Sand, para o Lanús. No agregado de resultados, o placar foi 3 a 1 para os brasileiros.

O Tricolor quebrou a zica de nunca ter derrotado um clube argentino na final da Libertadores. Além disso, diminuiu a vantagem hermana de nove vitórias contra cinco dos brasileiros em confrontos diretos nas decisões do torneio continental. A conquista ganhou ares ainda mais especiais e mitológicos com o time campeão sendo comandado pelo ídolo gremista Renato Portaluppi.

O técnico Jorge Almirón, do Lanús, teve a ausência do zagueiro Diego Braghieri, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Para a posição, o treinador grená escalou o zagueiro Marcelo Herrera. O Grêmio também teve um desfalque defensivo. O zagueiro argentino Walter Kannemann não pode atuar por estar suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com isso, Bressan substituiu o companheiro de time.

Primeiro tempo:

Sob um show de fogos de artifício, as duas equipes entraram em campo no La Fortaleza. O Grêmio vestindo a camisa tricolor, calção branco e meiões brancos. O Lanús usou o clássico uniforme grená com calções e meiões pretos. Antes de iniciar o jogo, o árbitro fez um minuto de silêncio pelo um ano da tragédia com o voo da Chapecoense, que foi completado nesta quarta-feira.

O confronto começou com o Lanús cometendo muitas faltas duras. Logo aos cinco minutos, o zagueiro García Guerreño, do Lanús, recebeu um cartão amarelo por uma entrada forte no meia gremista Ramiro.

O primeiro chute a gol foi do Grêmio. Após boa troca de passes pela esquerda de ataque, aos nove minutos, Lucas Barrios tocou para Luan que passou para Fernandinho dentro da área. O extrema esquerda chute cruzado rasteiro, mas o goleiro Andrada defendeu a finalização.

Um minuto depois, o Lanús tentou responder. O atacante Sand encontrou Alejandro Silva no meio, ele passou por dois marcadores e chutou de longe. A bola subiu muito e passou sob a meta defendida por Marcelo Grohe.

Aos 14 minutos, o volante Arthur foi lançado na área e escorou para o centroavante Lucas Barrios. O gremista pegou de primeira, de fora da área, e mandou para fora, sem perigo ao gol defendido por Andrada.

O Grêmio fazia uma marcação alta tentando evitar que o goleiro Andrada jogasse com pés e a equipe do Lanús tivesse uma vantagem numérica em campo.

O Tricolor Gaúcho abriu o placar aos 27 minutos de jogo. O ataque era do Lanús, mas após a zaga afastar os jogadores do Lanús fizeram uma lambança com o rebote e deram um ótimo contra-ataque para o Grêmio. O atacante Fernandinho reparou a redonda e correu todo o campo até a área adversária, onde finalizou na saída do goleiro Andrada. A bola foi parar nos fundos da rede.

Dois minutos depois, o Lanús teve uma falta perto da grande área para cobrar. O lateral-esquerdo Velázquez bateu com perfeição e o goleiro Marcelo Grohe saltou para fazer uma bela defesa e espalmar para escanteio.

Aos 30 minutos, em contra-ataque gremista, Ramiro passou para Edílson, na direita, o lateral arriscou o chute. A bola saiu torta, mas no meio da área Arthur colocou o pé na redonda, que por pouco não entrou no ângulo esquerdo de ataque.

Os jogadores do Lanús demonstravam nervosismo e ansiedade. Com isso, erravam passes considerados simples. O Grêmio aproveitava os erros do adversário para tocar a bola e administrar o resultado.

O time grená teve boa chance aos 39 minutos. Sand tocou de calcanhar para Martínez, que arriscou de primeira, contudo a bola passou longe da meta.

O Grêmio ampliou o marcador aos 41 minutos. Contudo, o gol não foi um simples gol, foi uma pintura que as palavras pouco podem descrever. Após ser lançado pelo volante Jailson, o atacante Luan dominou a redonda com classe e foi passando pelo marcadores com uma tranquilidade inexplicável até ficar cara-a-cara com o goleiro Andrada e dar um toque encobrindo o arqueiro Andrada, balançando mais uma vez as redes.

O Lanús tentou descontar aos 43 minutos. Mais uma vez, Sand encontrou Martínez. O meia fez uma boa tabela com Gómez e concluiu para fora.

A primeira etapa terminou com um domínio gremista e muita festa da torcida do Grêmio no estádio La Fortaleza.

Segundo tempo:

As duas equipes retornaram para a segunda etapa sem modificações. Contudo, o Lanús, precisando reverter o resultado, partiu para o ataque.

Aos cinco minutos, o volante Arthur deixou o jogo com dores no calcanhar. O companheiro Michel entrou no lugar. No banco de reservas, o garoto de 21 anos chorou bastante após a substituição.

Aos 10 minutos, o Lanús chegou com muito perigo. Após boa troca de passes entre os jogadores grená, Sand entrou na área e tocou para Acosta. O atacante tentou o chute que explodiu em Bressan. No rebote, na esquerda da área, novamente, Sand finalizou, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Os mandantes tentavam pressionar, mas não faziam com eficiência. Os jogadores grená apostavam muito em cruzamentos para área.

Em cobrança de falta na direita de ataque gremista, o lateral Edílson ergueu a redonda na área para o centroavante Lucas Barrios, que apareceu na esquerda desviando de cabeça. Quase que pintou o terceiro gol gremista.

Quando o Lanús entrou na área tocando a bola, o atacante Sand foi derrubado na área por Jailson. O árbitro assinalou o pênalti. O próprio Sand foi para a cobrança e descontou o placar. O goleiro Marcelo Grohe pulou para um lado e a bola entrou no outro canto. Com o gol, o atacante se isolou na artilharia da Libertadores, com nove tentos.

Aos 30 minutos, após a zaga gremista afastar a bola, Marcone ficou com o rebote e arriscou de fora da área. A redonda passou perto do gol defendido por Marcelo Grohe e assustou a torcida do Grêmio.

Se o primeiro tempo estava tranquilo, a segunda etapa ganhou tons dramáticos. Após o Lanús não fazer o fair play, o meia Ramiro fez uma falta dura e recebeu cartão amarelo. Contudo, o gremista seguiu reclamando e o árbitro expulsou o jogador. O Grêmio ficava com um atleta a menos em campo faltando um pouco mais de cinco minutos para o término da partida.

Aos 44 minutos, o Luan desperdiçou a chance de matar a partida. Em contra-ataque puxado por Fernandinho, o atacante tocou para o camisa 7 que recebeu livre na área e tentou um toque por cima do goleiro Andrada. A redonda passou tirando tinta da trave.

Com um a mais, o Lanús pressionou muito o Tricolor. Mesmo com cinco de acréscimos, não adiantou e o Grêmio se sagrou tricampeão da Copa Libertadores da América. (Fonte: Gazeta Esportiva)


.:: Seleção Brasileira – Brazilian National Team ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol aqui.
All the matches of the Brazilian National Team hear;
www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com


Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)
Anúncios

Ficha Técnica: San Lorenzo (ARG) 0 x 1 Atlético Paranaense

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Atlético Paranaense vence San Lorenzo fora de casa e assume liderança do grupo;
Credit:www.zimbio.com/Juan-Mabromata/AFP
Ficha Tecnica
San Lorenzo 0 x 1 Atletico
Copa Libertadores da America 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores 2017 – Grupo 4 – 2ª Rodada
• Data (Date): Quarta-Feira 15 de Março de 2017, as 19:30 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Pedro Bidegaín, em Buenos Aires (Argentina)
• Público (Attendance): Sem Registro (No Registry)
• Árbitro (Referee): Roddy Alberto Zambrano (Equador / Ecuador)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Cristian Lezcano Guerrero (Equador / Ecuador)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Ricardo Fabián Baren (Equador / Ecuador)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Juan Carlos Albarracín (Equador / Ecuador)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Franco Mussis, aos 10’/1º Pablo Felipe, aos 17’/1º
Felipe Gedoz, aos 22’/1º
Thiago Heleno, aos 13’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Lucho González (cabeça), aos 4’/1º
Clube Atletico San Lorenzo Almagro Clube Atlético Paranaense
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Sebastián Torrico
18 Matías Corujo (Botta)
02 Marcos Angeleri
06 Matías Caruzzo
17 Paulo Díaz
07 Franco Mussis
11 Ezequiel Cerrutti
16 Fernando Belluschi
20 Nestor Ortigoza (Bergessio)
30 Bautista Merlini (Ávila)
09 NIcolás Blandi
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Weverton
02 Jonathan
13 Paulo André
04 Thiago Heleno
06 Sidcley
07 Otávio
20 Matheus Rossetto (Wânderson)
03 Lucho González
11 Nikão (Douglas Coutinho)
10 Felipe Gedoz (Grafite)
08 Pablo Felipe
Coach: Diego Aguirre Coach: Paulo Autuori
04
05
10
14
15
19
22
Fabricio Coloccini
Juan Maercier
Leandro Romagnoli
Ezequiel Ávila, aos 37’/2º
Gonzalo Bergessio, aos 28’/2º
Rubén Botta, no Intervalo
Nicolás Navarro (gk)
01
05
18
22
23
25
28
Santos (gk)
Luiz Otávio
Cryzan
Léo
Grafite, aos 20’/2º
Wanderson, aos 36’/2º
Douglas Coutinho, aos 28’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 0 x 0 0 x 1
• Com esse resultado o Atlético Paranaense assumiu a liderança grupo;
• Atletico: Camisa Branca, Calção Branco e Meias Brancas;
• San Lorenzo: Camisa listrada em Azul-Vermelho, Calção e Meia Azuis;
• No outro jogo do Grupo: Universidad Catolica 1 x 0 Flamengo, em Santiago do Chile;
Tabela de Classificação do Torneio
Times (País) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
. Atlético Paranaense (Brasil) 4 2 1 1 0 3 2 1
. Universidad Catolica (Chile) 4 2 1 1 0 3 2 1
. CR Flamengo/RJ (Brasil) 3 2 1 0 1 4 1 3
. CA San Lorenzo (Argentina) 0 2 0 0 2 0 5 -5
# Os dois melhores colocados classificam-se para a fase seguinte;

.:: Galeria de Imagens ::.
Clube Atletico san Lorenzo de Almagro, Argentina, fundado em 1908;
Credit:www.zimbio.com/Juan-Mabromata/AFP
Clube Atletico Paranaense, Curitiba, Paraná, fundado em 1924;
Credit:www.zimbio.com/Juan-Mabromata/AFP

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Universidad Católica (CHI) 1 x 0 Flamengo

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Flamengo perde para a Universidad Catolica e cai para o terceiro lugar.
Credit: www.lance.com.br/AFP
Ficha Tecnica
Católica 1 x 0 Flamengo
Copa Libertadores da America 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores 2017 – Grupo 4 – 2ª Rodada
• Data (Date): Quarta-Feira 15 de Março de 2017, as 21:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): San Carlos de Apoquimbo, em Santiago do Chile
• Público (Attendance): Sem Registro (No Registry)
• Árbitro (Referee): Diego Mirko Haro Sueldo (Peru)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Coty Carrera (Peru)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Jorge Yupanqui (Peru)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Joel Alarcón (Peru)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Cesar Fuentes, aos 24’/2º Pará, aos 6’/2º
Germán Lanaro, aos 25’/2º Diego Ribas, aos 29’/2º
Alfonso Parot, aos 40’/2º Orlando Berrío, aos 39’/2º
Márcio Araújo, aos 44’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Santaigo Silva (cab), aos 30’/2º
Club Deportivo Universidad Catolica Clube de Regatas do Flamengo
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Carlos Toselli
27 Juan Espinoza (Álvarez)
02 Germán Lanaro
13 Benjamin Kuscevic
24 Allonso Parot
23 Enzo Kalinski
06 Cesar Fuentes
18 Diego Buonanotte
19 José Fuenzalida
16 Ricardo Noir (Lobos)
09 Santiago Silva
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
01 Alex Muralha
21 Pará
15 Réver ©
03 Rafael Vaz
13 Miguel TRAUCO
27 Rômulo (Berrío)
08 Márcio Araújo
05 Willian Arão (Leandro Damião)
22 Éverton (Gabriel)
10 Diego Ribas
09 Paolo GUERRERO
Coach: Mario Salas Coach: Zé Ricardo
04
07
11
20
21
22
29
Cristian Álvarez, aos 35’/2º
Cristian Bravo
Fernando Cordero
Carlos Lobos, aos 42’/2º
Franco Cosntanzo (gk)
Roberto Gutiérrez
Stefano Magnasco
02
04
12
17
18
26
28
Rodinei
Juan Silveira
Thiago (gk)
Gabriel, aos 29’/2º
Leandro Damião, aos 34’/2º
Gustavo CUELLAR
Orlando BERRÍO, aos 13’/2º [Expulso]
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 0 1 x 0 1 x 0
• Com esse resultado o Flamengo caiu para o terceiro lugar em seu grupo;
• Flamengo: Camisa Camisa Rubro-Negra, Calção Branco e Meias Rubro-Negras (Adidas);
• Universidad Catolica: Camisa Branca, Calção Azul e Meia Brancas (Umbro);
• No outro jogo do Grupo: San Lorenzo 0 x 1 Atlético Paranaense, em Buenos Aires;
Tabela de Classificação do Torneio
Times (País) Pts Jgs Vit Emp Der GP GC S
. Atlético Paranaense (Brasil) 4 2 1 1 0 3 2 1
. Universidad Catolica (Chile) 4 2 1 1 0 3 2 1
. CR Flamengo/RJ (Brasil) 3 2 1 0 1 4 1 3
. CA San Lorenzo (Argentina) 0 2 0 0 2 0 5 -5
# Os dois melhores colocados classificam-se para a fase seguinte;

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Botafogo 2 x 1 Estudiantes (ARG)

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Botafogo vence Estudiantes de la Plata na estréia da fase de grupos;
Credit: www.lance.com.br/Luciano Belford/AGIF
Ficha Tecnica
Botafogo 2 x 1 Estudiantes
Copa Libertadores da América 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores da América – Grupo 1 – 1ª Rodada
• Data (Date): Terça-Feira, 14 de Março de 2017, as 21:00 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Nilton Santos “Engenhão”, Rio de Janeiro/RJ
• Público (Attendance): 28.176 pagantes – Renda: R$1.723.825,00
• Árbitro (Referee): Jonathas Fuentes (Uruguai / Uruguay)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Nicolas Tarán (Uruguai / Uruguay)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Richard Trinidad (Uruguai / Uruguay)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Fernando Espinoza (Argentina)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Marcelo Conceição, aos 15’/2º Jonathan Schunke, aos 39’/2
Bruno Silva, aos 39’/2º Javier Iritier, aos 39’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Róger, aos 34’/1º 1-1 Ferney Otero, aos 17’/2º
2-1 Rodrigo Pimpão, aos 34’/2º
Botafogo de Futebol e Regatas Clube Atletico Estudiantes de La Plata
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
25 Gatito Fernández
14 Marcelo Conceição
03 Joel Carli
02 Émerson Silva
06 Victor Luís
08 Bruno Silva
05 Airton
10 Camilo (Rodrigo Lindoso)
07 Walter Montillo (Sassá)
17 Rodrigo Pimpão
09 Roger (Guilherme)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
21 Mariano Andújar
14 Facundo Sánchez
02 Leandro De Sábato
19 Sebastián Dubarbier
06 Jonathan Schunke
18 Augusto Solari (Cejas)
05 Santiago Acascibar
08 Israel Damonte
10 Lucas Rodríguez (Toledo)
07 Ferney Otero
09 Lucas Viatri (Iritier)
Coach: Jair Ventura Coach: Nelson Vivas
01
11
15
19
20
28
29
Saulo (gk)
João Paulo
Gilson
Rodrigo Lindoso, aos 44’/2º
Guilherme, aos 35’/2º
Fernandes
Sassá, aos 24’/2º
12
13
17
20
22
27
30
Daniel Sappa (gk)
Matías Aguirregaray
Juan Cejas, aos, aos 40’/2º
Javier Toledo, aos 36’/2º
Rodrigo Braña
Nicaolás Bazzana
Javier Iritier, aos 30’/2º
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 1 x 1 2 x 1

.:: Galeria de Imagens ::.
Uma bonita imagem do estádio Engenhão e uma bela festa da torcida;
Credit: www.zimbio.com/Buda Mendes/Getty Images
Botafogo de Futebol e Regatas, Rio de Janeiro, fundado em 1894;
Credit: www.zimbio.com/Buda Mendes/Getty Images
Clube Atlético Estudiantes de la Plata, da Argentina, fundado em 1905;
Credit: www.zimbio.com/Buda Mendes/Getty Images

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Zamora (VEN) 0 x 2 Grêmio

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Luan marcou o segundo gol gremista na vitória contra o Zamora;
Credit: globoesporte.globo.com
Ficha Tecnica
Zamora 0 x 2 Grêmio
Copa Libertadores da América 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores da América – Grupo 8 – 1ª Rodada
• Data (Date): Quinta-Feira, 9 de Março de 2017, as 19:30 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Rafael Agustín Tovar, em Barinas (Venezuela)
• Público (Attendance): Sem Registro (No Registry)
• Árbitro (Referee): Darío Herrera (Argentina)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Hernán Maidana (Argentina)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Cristian Navarro (Argentina)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Fernando Espinoza (Argentina)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Luis Ovalle, aos 5’/1º
Luis Vargas, aos 8’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Leonardo Moura, aos 45’/1º
2-0 Luan Vieira, aos 7’/2º
Zamora Fútbol Club Grêmio Foot-Ball Porto-Alegrense
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Carlos Salazar
22 Ángel Faría (Hernández)
23 Oscar Hernández
19 Ezequiel Filippetto
06 Luis Ovalle
08 Luis Melo
26 Erickson Gallardo
05 Luis Vargas (Pinto)
27 Angelo Peña
21 Ricardo Clarke (Sosa)
09 Anthony Uribe
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Marcelo GRohe
16 Leonardo Moura
15 Rafael Thyere
04 Walter Kannemann
26 Marcelo Oliveira
25 Jailson
05 MIchel
17 Ramiro
09 Pedro Rocha (Éverton)
07 Luan Vieira (Barrios)
23 Miller Bolaños (Fernandinho)
Coach: Franceso Stifino Coach: Renato Gaúcho
02
10
15
18
24
25
28
Ronald Hernández, aos 35’/2º
Reimond Manco
René Flores
Eduardo Sosa, aos 13’/2º
Brian Mendoza
Alexis Angulo (gk)
José Pinto, aos 28’/2º
11
12
18
21
22
27
30
Éverton, aos 26’/2º
Bruno Cortez
Lucas Barrios, aos 27’/2º
Fernandinho, aos 39’/2º
Bressan
Lincoln
Bruno Grassi (gk)
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
0 x 1 0 x 1 0 x 2

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Tecnica: Sporting Cristal (PER) 1 x 1 Santos

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Santos empata com Sporting Cristal na estréia da Libertadores;
Credit: www.opovo.com.br/mobile
Ficha Tecnica
Sporting 1 x 1 Santos
Copa Libertadores da América 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores da América – Grupo 2 – 1ª Rodada
• Data (Date): Quinta-Feira, 9 de Março de 2017, as 21:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Nacional, Lima (Peru)
• Público (Attendance): Sem Registro (No Registry)
• Árbitro (Referee): José Argote Vega (Venezuela)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Carlos López Rico (Venezuela)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Luis Murillo (Venezuela)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Marlon Escalante (Venezuela)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Carlos Lobatón, aos 19’/1º Cléber Reisa, aos 40’/2º
Jorge Cazulo, aos 45’/2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Jorge Cazulo, aos 13/’1º 1-1 Thiago Maia, aos 22’/2º
Club Sporting Cristal Santos Futebol Clube
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Maurício Viana
13 Renzo Revoredo
23 Jorge Cazulo
15 Renzo Garcés
22 Jair Céspedes
05 Pedro Aquino
27 Carlos Lobatón © (Ballón)
08 Gabriel Costa
17 Ray Sandoval (Christian Ortíz)
10 Joel Sánchez
09 Diego Ifrán (Blackburn)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
12 Vladimir
04 Victor Ferraz
02 Cleber Reis
14 David Braz
03 Zeca; Renato
29 Thiago Maia
08 Renato Dirnei
10 Lucas Lima
07 Vitor Bueno (Hernández)
18 Jonathan Copete (Bruno Henrique)
09 Ricardo Oliveira ©
Coach: José Guillermo Del Solar Coach: Dorival Júnior
01
07
14
19
21
28
29
Carlos Grados (gk)
Horacio Calcaterra
Rolando Blackburn, aos 26’/2º
Cristian Ortiz, no Intervalo
Josepmir Ballón, aos 21’/2º
Edinson Chávez
Luis Abram
05
11
13
16
24
27
28
Yuri Oliveira
Kayke
Matheus Ribeiro
Vladimir Hernández, aos 14’/2º
João Paulo
Bruno Henrique, aos 28’/2º
Lucas Veríssimo
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 0 x 1 1 x 1

.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

Ficha Técnica: Godoy Cruz (ARG) 1 x 1 Atlético Mineiro

.:: Copa Libertadores da América 2017 ::.
Jogando fora de casa Atlético Mineiro empata com o Godoy Cruz na Argentina;
Credit: www.clicrbs.com.br/Andres Larrovere / AFP
Ficha Tecnica
Godoy Cruz 1 x 1 Atlético
Copa Libertadores da América 2017
Ficha Técnica
• Competição (Tournament): Copa Libertadores da América – Grupo 6 – 1ª Rodada
• Data (Date): Quarta-Feira, 8 de Março de 2017, as 19:30 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Malvinas Argentinas, Mendoza (Argentina)
• Público (Attendance): Sem Registro (No Registry)
• Árbitro (Referee): Wilson Lamouroux Riveros (Colômbia)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Eduardo Díaz Barrero (Colômbia)
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): John Alexander León Sánchez (Colômbia)
• Quarto Árbitro (Fourth Official:): Juan Pontón Rodríguez (Colômbia)
Advertências | Cautions | Sent Off Advertências | Cautions | Sent Off
Luciano Abecasis, aos 11’/1º Rafael Carioca, aos 11’/2º
Walter Serrano, aos 25’/1º
Danilo Ortiz, aos 40’/2º
Marcelo Benítez, aos 44/’2º
Gols| Goals | Goles Gols| Goals | Goles
1-0 Javier Correa, aos 2/’1º 1-1 Fred (pênalti), aos 6’/2º
Club Atletico Godoy Cruz Clube Atlético Mineiro
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
01 Rodrigo Rey
29 Luciano Abecasis
05 Diego Vieira
06 Danilo Ortiz [Expulso]
21 Fabricio Angileri
15 Walter Serrado
10 Guillermo Fernández
20 Ángel González (Sánchez)
10 Gastón Giménez
07 Juan Garro (Benítez)
09 Javier Correa (Sigales)
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Giovanni
02 Marcos Rocha
03 Leonardo Silva
30 Gabriel
06 Fábio Santos
05 Rafael Carioca
08 Elias
14 Danilo (Cazares)
11 Romulo Otero (Clayton)
07 Robinho
09 Fred (Rafael Moura)
Coach: Lucas Bernardi Coach: Róger Machado
03
14
17
19
23
24
25
Marcelo Benitez, aos 22’/2º
Sebastián Olivares
Maximiliano Correa
Fabián Henriquez
Maximiliano Sigales, aos 35’/2º
Nicolás Sánchez, aos 39’/2º
Sebastián Moyano (gk)
10
13
19
23
24
25
26
Juan Cazares, no Intervalo
Rafael Moura, aos 38’/2º
Carlos César
Calyton, aos 35’/2º
Uilson (gk)
Yago
Felipe Santana
Tempo Regulamentar Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altern Final
1 x 0 0 x 1 1 x 1

Crônica do Jogo

Não foi exatamente a estreia que o torcedor atleticano imaginou. O Galo apenas empatou com o Godoy Cruz, por 1 a 1, na noite desta quarta-feira, em Mendoza, na Argentina, no primeiro jogo das equipes na Copa Libertadores da América.

Existia uma disparidade em campo: o Atlético-MG já iniciou a temporada há mais tempo, tinha um time com mais tempo de jogo, fisicamente melhor, sem falar em ter mais nomes de peso em seu elenco, enquanto o Godoy Cruz fazia apenas sua estreia na temporada. Isso, entretanto, não fez diferença. O Galo não se encontrou em campo, foi pior na maior parte do confronto e “achou” um gol em pênalti marcado sobre Elias.

O Galo volta a campo na próxima segunda-feira, contra o Tupi, pelo Campeonato Mineiro.

Pouco depois do apito do árbitro, logo no primeiro minuto de jogo, o Godoy conseguiu abrir o placar. Em lançamento, o zagueiro Gabriel falhou ao tentar tirar a bola e a redonda ficou toda para Javier Correa marcar o primeiro tento.

Mesmo após sofrer o gol, o Atlético ainda tinha dificuldades para jogar. Nos primeiros minutos era claro a dificuldade atleticana na marcação, na recomposição, o que facilitava os contra-ataques dos donos da casa. Algo que ficou evidente, ainda, foram as investidas do Godoy pela direita – lado de Fábio Santos e onde também jogava o zagueiro Gabriel.

Já a metade do gramado mostrava que o Galo precisava de um jogador para cobrir o buraco que a equipe deixava. Como o Atlético jogava com três volantes e Robinho mostrava mais facilidade em cair pela esquerda, o local onde poderia ter um armador ficou vazio. Elias poderia suprir essa ausência, entretanto, com a presença de Danilo no time, atuando mais adiantado, o volante ficava mais recuado.

Com problemas na estrutura do time, o Atlético precisou recorrer as bolas paradas. Aos 14 minutos, o Galo levou perigo, com Leonardo Silva, aproveitando seus 1,92m para subir mais que todo mundo, para assustar o goleiro adversário com a bola tirando tinta da trave.

Após os 15 minutos do primeiro tempo, o Galo conseguiu equilibrar a situação. O time alvinegro passou a ocupar bem os espaços. Mas mesmo assim a equipe alvinegra não conseguia sobressair no ataque.

Aos 44, os deuses do futebol resolveram deixar o Galo seguir no jogo. Garro recebeu uma bola na cara do gol, já com Giovanni batido, na pequena área, e o atacante conseguiu perder o tento. O lance deixou ainda mais claro que a defesa alvinegra sofria para conseguir suportar um grupo que fazia seu primeiro jogo oficial.

O Galo voltou para o segundo tempo com uma importante troca: Roger Machado tirou Danilo e colocou Cazares – mudando, assim, o esquema em campo.

A pressão preto e branca surtiu efeito logo no início e Abecasis – que já tinha cartão amarelo – fez pênalti em Elias. O atacante Fred converteu a penalidade e deu igualdade ao Galo.

Após o tento, porém, o Atlético colocou o pé no freio. O time brasileiro passou a ter mais cautela para buscar o ataque. O Godoy voltou a buscar o jogo, na maioria das vezes ainda pela área de Fábio Santos.

O jogo passou a ficar travado no meio campo, com as duas equipes com dificuldades. O Godoy não conseguia agredir mais. Já o Galo, até os 35 não tinha obrigado o goleiro adversário fazer uma defesa.

Nos últimos minutos, o Galo pressionou, mas não dava mais tempo. A equipe preto e branca teve pelo menos quatro oportunidades para virar a partida, mas o Godoy se fechou muito bem e conseguiu segurar o placar. (Crédito: gazetaesportiva.com)


.:: Deixe um Comentário ::.
Se você gostou desse post ou do site indique para seus amigo.
Deixe uma crítica ou uma sugestão.

%d blogueiros gostam disto: