Fluminense Campeão da Primeira Liga de 2016

Jogadores do Fluminense comemoram a conquista da Primeira Liga;
Crédito: www.tagthebird.com
Ficha Tecnica
Fluminense 1 x 0 Atlético/PR
Final da Primeira Liga de 2016
Ficha Tecnica
• Competição (Tournament): Primeira Liga de 2016 – Final – Jogo Único
• Data (Date): Quarta-Feira, 20 de Abril de 2016, as 21:45 hs (de Brasilia)
• Estádio (Stadium): Municipal Radialista Mário Helênio, Juiz de Fora/MG
• Público (Attendance): 23.985 pagantes – Renda: R$ 553.785,00
• Árbitro (Referee): Sandro Meira Ricci/SC (FIFA)
• Assistente 1 (Assistant Referee 1): Rafael da Silva Alves/RS
• Assistente 2 (Assistant Referee 2): Helton Nunes/SC
• Quarto Árbitro (Fourth Oficial): Gabriel Murta Barbosa Maciel
• Advertências (Cautions): Jádson 14′, Pierre 51′ e Marcos Júnior 90’+1
• Expulsão (Sent Off): Nenhuma (None)
• Gols (Goals): 1-0 Marcos Júnios, aos 35′ minutos do 2º tempo
Fluminense Football Club Clube Atlético Parabaense
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
At
At
At
01 Diego Cavalieri
06 Giovanni (Douglas)
03 Gum
33 Henrique
25 Wellington Silva
05 Pierre
07 Cícero ©
11 Gérson (Edson)
40 Gustavo Scarpa
17 Osvaldo (Marcos Junior)
20 Magno Alves
Go
Ld
Za
Za
Le
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Wéverton ©
02 Eduardo
13 Paulo André
44 Thiago Heleno
08 Sidcley
07 Otávio (Deivid)
39 Jadson (André Lima)
29 Vinícius (Pablo)
11 Nikão
10 Marcos Guilherme
18 Walter
Coach: Levir Culpi Coach: Paulo Autuori
Go
Df
Df
Df
Df
Mc
Mc
Mc
Mc
Mc
At
At
12 Júlio César
16 Léo
04 Marlon
44 Nogueira
31 Renato Chaves
08 Édson, aos 20’/2º
27 Douglas, aos 31’/2º
30 Eduardo
15 Higor Leite
23 Felipe Amorim
35 Marcos Júnior, aos 20’/2º
19 Richarlison
Go
Df
Df
Mc
Mc
At
At
At
At
At
01 Santos
03 Christián Vilches
42 Pará
05 Deivid, aos 33’/2º
23 Hernani
92 Pablo Felipe, aos 29’/2º
32 Giovanny
88 Crysan
96 Ewandro
99 André Lima, aos 39’/2º
Tempo Normal Prorrogação Penalidades
1º T 2º T Final 1º T 2º T Final Normal Altnds Final
0 x 0 1 x 0 1 x 0
# Com esse resultado o Fluminense sagrpu-se campeão da Primeira Liga;
# Fluminense e Atlético usam uma numeração fixa para seus jogadores;
# Fluminense: Camisa Tricolor, Calção Branco e Meias Brancas;
# Atlético: Camisa Branca, Calção Preto e Meias Pretas;
# A primeira edição da Primeira Liga do Brasil (Copa Sul-Minas-Rio) é um torneio realizado entre os clubes de Minas Gerais, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná e Rio de Janeiro entre 27 de janeiro e 20 de abril de 2016, autorizada pela CBF. (Fonte: wikipedia.org)

.:: Galeria de Imagens ::.
Fluminense Football Club campeão da Primeira Liga de 2016;
Crédito: www.lance.com.br/Paulo-Sérgio/LANCE!Press
Clube Atlético Paranaense vice campeão da Primeira Liga de 2016;
Crédito: www.futnet.com.br/Paulo-Sérgio/LANCE!Press

Como foi o Jogo

O Fluminense é o primeiro campeão da história da Primeira Liga. Na final da edição inaugural da competição organizada pelos clubes da antiga Liga Sul-Minas com a adesão de duas equipes do Rio de Janeiro, o Tricolor das Laranjeiras bateu o Atlético Paranaense por 1 a 0 na final disputada no estádio Radialista Mario Helênio, em Juiz de Fora e levantou a taça inédita. O gol do título foi anotado por Marcos Júnior, aos 35′ minutos, que entrou no segundo tempo no lugar de Osvaldo para decidir.

Para quem podia imaginar ainda um campo neutro, a presença a maciça de torcedores do Fluminense, que ainda entravam no estádio com a bola rolando, derrubava qualquer dúvida sobre quem era o mandante. Mas, quem mostrou o cartão de visitas primeiro foi o Furacão, com Walter, que aos dois minutos experimentou o chute de longe, nas mãos de Diego Cavalieri. Os cariocas, entretanto, logo acordaram. Aos oito minutos, Osvaldo apareceu em velocidade, foi travado e ficou no chão pedindo penalidade, não marcada.

A primeira chance real mesmo veio aos nove minutos, com Cícero cabeceando na área e Gérson desviando para grande defesa de Weverton. Walter tentava se movimentar e abrir espaço para quem vinha de trás no lado rubro-negro e, aso 12 minutos, tabelou com Marcos Guilherme, que na sequência arrematou por cima da meta. Pressão tricolor aos 17 minutos, com bate-rebate na área atleticana e Paulo André afastando para salvar.

O Fluminense tinha mais volume de jogo e, aos 25 minutos, Osvaldo entrou pela direita e cruzou para Wellington Silva, que se esticou todo e não conseguiu completar para as redes. Um minuto depois, o próprio Osvaldo tentou a finalização, com uma bicicleta desequilibrada que Weverton afastou da área rapidamente. O troco veio aos 31 minutos, em chute rasteiro de Eduardo que chegou a tirar uma casquinha do poste.

Depois de equilibrar as ações foi a vez do Atlético passar a pressionar. Aos 36 minutos, Walter recebeu de frente para a área, abriu espaço e soltou o pé por cima do gol. Mais próximo chegou Vinícius, aos 38 minutos, pegando sobra de bola e mandando o petardo no travessão. Desorganizados, os cariocas seguraram o empate até o intervalo para tentar modificar o panorama.

Para a etapa final, nenhuma mudança em campo e, do lado de fora, a torcida do Fluminense ainda chegando. Aos seis minutos, Scarpa lançou para Magno Alves, que invadiu a área, passou pelo goleiro, mas errou no momento de dar o último passe, facilitando a recuperação da defesa atleticana. Saída errada do Rubro-Negro, aos oito minutos, a bola sobrou para Scarpa, mas Weverton deixou a meta para fazer a defesa.

Como a conversa no intervalo não surtiu efeito, o técnico Levir Culpi promoveu duas mudanças de uma só vez, com as entradas de Edson e Marcos Junior nos lugares de Gerson e Osvaldo. Aos 23 minutos, Marcos Junior recebeu seu primeiro lançamento, mas a bola fugiu de seus pés. Sem brilha esta vez, Vinicius foi substituído aos 29 minutos para a entrada de Pablo no Atlético.

O ritmo não era o mesmo na etapa final e passado os 30 minutos as equipes já se preocupavam em não tomar gols, já que o empate pelo menos levava a partida para a cobrança das penalidades. Mas, aos 35 minutos, em contra-ataque mortal, Marcos Junior colocou velocidade, saiu da marcação e tocou na saída do goleio para abrir o placar. O Furacão partiu para o desespero com a entrada do atacante André Lima no lugar do volante Jadson, mas não foi possível reverter. Flu primeiro campeão e Furacão amargando um jejum iniciado em 2009.

# Reportagem: www.gazetaesportiva.com


.:: Seleção Brasileira de Futebol ::.
Confira todos os jogos da Seleção Brasileira de futebol cinco vezes campeã mundial. Jogos amistosos oficiais e não oficiais; Eliminatórias da Copa; Copa do Mundo, Copa América, Copa das Confederações, Torneios, Torneio Pré-Olímpico, Jogos Olímpicos, Jogos Pan-Americanos; Seleção Brasileira Feminina, Sub 17, Sub 20 e muito mais confira: www.jogosdaselecaobrasileira.wordpress.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: